Troféu HQ Mix vai premiar quadrinhos no Sesc Pompéia

O HQ Mix, maior premiação dos quadrinhos nacionais, com 43 categorias será realizado na choperia do Sesc Pompéia na próxima terça-feira. O prêmio chega ao seu 18.º ano retratando a boa produção nacional de 2005. "O quadro vem melhorando ano a ano. É cada vez maior o número de bons títulos nas livrarias, nos mais variados gêneros de quadrinhos", diz Sidney Gusman, editor do site Universo HQ, premiado pela sexta vez.Um show com integrantes do Língua de Trapo abrirá a premiação que será apresentada por Serginho Groisman. E o troféu HQ Mix 2006 (é tradição homenagear a cada ano um personagem de quadrinhos diferente) é uma pequena escultura de Madame e seu Bicho Muito Louco, série que Fortuna celebrizou há 30 anos em três revistas: Pasquim (a qual ajudou a fundar), O Bicho e Careta. A estatueta foi esculpida pelo artista plástico Olintho Tahara.Outra novidade deste ano é a auditoria dos votos feita pela OAB (Ordem dos Advogados do Brasil ). Os premiados são escolhidos por desenhistas, ilustradores, cartunistas, jornalistas e gente ligada ao meio. Este ano foram mais de mil votantes, contra 800 ano passado.No ano em que o filme Sin City (premiado com o troféu HQ Mix de Melhor Adaptação para Outro Veículo) chamou atenção pela fidelidade à série criada por Frank Miller, vários títulos para o público adulto foram lançados e levaram a maior parte dos prêmios. Artistas como Art Spielgman e Milo Manara, que respectivamente fizeram trabalhos fortes sobre o Holocausto ou com forte conteúdo erótico, ganharam em suas categorias.Dos brasileiros, Laerte e Angeli continuam ganhando quase tudo. Angeli, desde que foi implementada a categoria chargista, há dez anos, levou todos os prêmios.O prêmio HQ Mix é considerado pelos artistas como uma boa forma de reconhecimento. Eduardo Baptistão, premiado como melhor caricaturista pela terceira vez, afirma que o prêmio é "importante como reconhecimento de seu trabalho pelos colegas".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.