Troca no JN coincide com ligeria evolução

Ao trocar Fátima Bernardes por Patrícia Poeta na bancada do Jornal Nacional, a partir de hoje, a Globo tem o desafio de manter sua tendência de audiência. Em 2011, até novembro, o noticiário de maior alcance do País somou 32,3 pontos de média no Ibope da Grande São Paulo (cada ponto equivale a 58,2 mil lares). É um progresso sobre 2010 (29,8 pontos) e 2009 (30,9), mas uma queda de 18% em relação a 2000, ano em que o JN registrou 39,2 pontos. A média caiu para 37,8 em 2001 e para 36,6 em 2002 e 2003. Em 2004, fez a melhor audiência da década, com 39,8 pontos, mas despencou para 35,8 em 2005, foi a 36,4 em 2006 e voltou a cair - para 34 em 2007 e 32,4 em 2008.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.