Tribunal suspende visitas de Britney Spears a seus filhos

Um tribunal norte-americano suspendeu os direitos de visita de Britney Spears a seus dois filhos pequenos enquanto a popstar não cumprir todas as ordens do tribunal, anunciou nesta quinta-feira o Web site de celebridades TMZ.com. A ordem de Scott Gordon, comissário do Condado de Los Angeles, foi emitida depois de um advogado do ex-marido de Spears, Kevin Federline, ter ido ao tribunal na quarta-feira para uma audiência de emergência. "As visitas da requerente (Britney Spears) aos filhos menores de idade serão suspensas, aguardando o cumprimento das ordens do tribunal pela requerente", diz a ordem postada no TMZ.com. Spears e Federline se separaram há um ano, depois de dois anos de casamento, e desde então a vida da cantora se descontrolou, apesar de ela ter passado um período em uma clínica de reabilitação. Spears, 26 anos, recebeu ordens de fazer treinamento em habilidades maternas, depois de Gordon ter dito que as evidências mostram que ela é usuária frequente de "substâncias controladas e álcool". A cantora deve retornar ao tribunal em 26 de outubro para uma audiência sobre a guarda de seus filhos, Sean Preston, 2 anos, e Jayden James, 1.

REUTERS

18 Outubro 2007 | 16h18

Mais conteúdo sobre:
GENTE SPEARS VISITAS

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.