Três verdades temporariamente absolutas

Sol em trígono com Urano; a Lua que cresce será Vazia das 14h38 até as 21h, horário de verão de Brasília.

astro@0-quiroga.com, O Estado de S.Paulo

16 de novembro de 2010 | 00h00

Apesar de ser normal os humanos aceitarem o argumento de toda verdade ser relativa e que por isso talvez não se deva pensar em nada absoluto, tal convencimento tem contribuído de forma eficaz para nos afastar do contato religioso com a Vida. Certamente, com nossa visão limitada nós entendemos a realidade só temporariamente, até que uma nova visão a transforme. Nos dias de hoje podem ser postuladas três verdades temporariamente absolutas. A primeira é a de que os pensamentos criam realidades. A segunda, que nós ainda não somos destros o suficiente para dominar a ciência da mente e pensar o que desejemos pensar. E a terceira, que o mundo é fiel reflexo desse problema. Sobre essas três verdades muitas melhorias podem ser feitas.

ÁRIES 21-3 a 20-4

Arriscar-se é necessário, mas sem precipitação. Você sente alegria perante os riscos, mas você já sabe por experiência que essa essencial virtude pode ser enganosa também. Já houve alegria por riscos inúteis.

TOURO 21-4 a 20-5

Preste atenção às coincidências e tente guiar seus passos de acordo com essas, a despeito de aparentemente serem adversas aos seus planos. Há adversidades que só parecem assim, mas que no fundo são reorientações positivas.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

É nos pequenos detalhes que você nota se alguém gosta do que faz ou se por acaso sua atividade é uma obrigação que pesa nos ombros. Observe isso em sua própria vida, perceba quanto de atenção você dá aos detalhes.

CÂNCER 21-6 a 21-7

Para as pessoas que decidem intimamente não aceitar a existência de outro mundo além daquele perceptível pelos sentidos físicos não adianta apresentar provas e argumentos, elas nunca mudarão de opinião.

LEÃO 22-7 a 22-8

Os reencontros não são mera casualidade, revelam que há uma ordem a regular a vida inteira, oculta por trás dos acontecimentos. É impossível compreender essa ordem, o melhor a fazer é ajustar-se a ela quanto possível.

VIRGEM 23-8 a 22-9

Sonhar muito e fazer pouco para realizar os sonhos, essa é a fórmula segura para você se decepcionar, frustrar e desanimar. Certamente, não é o que você deseja. Por isso, limite a imaginação e aumente o trabalho.

LIBRA 23-9 a 22-10

Satisfazer desejos porque você fez tudo o necessário para isso resulta numa boa dose de satisfação. Porém, quando dá para satisfazer desejos em momentos em que isso não era buscado, a satisfação é multiplicada pelo mistério.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

A verdade é aquilo que fica sempre nas entrelinhas, aquela que dificilmente se torna parte manifesta nas discussões e argumentações. Isso é incômodo para sua alma, mas ela também tem verdades ocultas.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Dizer o que não se pretendia falar não acontece por mero acaso, a isso dá-se o nome de ato falho e revela a verdadeira intenção da alma. Uma vez que a palavra tenha saído da boca, ela não pode ser retirada, segue em frente.

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

Todas as pessoas fazem planos o tempo inteiro, mas nada garante que as coisas sempre saiam nos conformes. Tudo é uma tentativa e se você quiser ver seus planos dar certo, então a persistência será fundamental.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

O que importa se as suas atitudes parecem irracionais? Apenas as pessoas bem pouco flexíveis e nada autocríticas exigiriam das outras absoluta coerência e racionalidade. A vida é mistério, por isso a irracionalidade.

PEIXES 20-2 a 20-3

Nada acontece de acordo com a lógica esperada, mas isso, que para a maioria das pessoas seria motivo de desespero, para a alma pisciana é refresco. Deixe-se levar por essa corrente misteriosa de coincidências.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.