Torcida desorganizada

Se tivessem um bom advogado, as torcidas organizadas - ô, raça! - estariam cobrando agora na Justiça direito de resposta a tantos anos em destaque no noticiário pela sua contribuição à truculência no esporte. Sem esses animais, percebe-se nos jogos da seleção, as arquibancadas brasileiras ficam tão mais civilizadas quanto sem graça: não sabem o que dizer, sequer em que circunstâncias se manifestar. Esperaram o Neymar sair da competição para gritar o nome dele nos estádios! O Brasil lançou nesta Copa o conceito de torcida desorganizada!

Tutty Vasques, O Estado de S.Paulo

08 de julho de 2014 | 02h05

Não se trata, evidentemente, de um bando de loucos, e aí talvez esteja o problema: o brasileiro que tem o hábito de ir a estádio torcer por seu clube sente agora falta desses malucos que dão voz às multidões. Enfim, somos dependentes das torcidas organizadas que tanto queremos banir do futebol. A mesma força que assusta, também alegra a massa - não há porque negar este valor às malditas organizadas!

Estigma recente

William teme ser o Amarildo

do Neymar! Ultimamente,

convenhamos, ninguém quer

ser Amarildo! Na época do

Pelé era bem mais fácil!

Risco Brasil x Argentina

Os pessimistas não perdem as

esperanças: enquanto houver

possibilidade de uma final

Brasil x Argentina, a chance

de um fim de festa lamentável

continua viva! Apostam que o jogo não terminaria com a pancadaria

da plateia transbordando para

dentro de campo no Maracanã.

Não à toa, tem muita gente

de bom senso por aí dizendo

que até prefere uma derrota

honrosa da seleção para a

Alemanha a arriscar o sucesso

da Copa num confronto com a

Argentina! Amanhã, seja

como for, 'vai Holanda'!!

Joia rara

Afora o futebol de Messi e Di Maria, chamam atenção na seleção

da Argentina as chuteiras pretas

do goleiro Romero! Deve

ser o último par em atividade

no mundo!

Sociedade psicanalítica FC

Velho dissidente das psicólogas

da seleção desde os tempos

em que a titular era indicada

por Vanderlei Luxemburgo,

o Analista de Bagé acha que

'joelhaço' em Neymar pode

fazer um bem emocional

ao Brasil. A conferir!

Quem diria!

Onde será que Eike Batista

está assistindo à Copa? Há um

ano, o cara era dono do Maracanã!

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.