Tony Curtis volta ao teatro

Tony Curtis vai voltar a trabalhar em ?Quanto Mais Quente Melhor? ? desta vez no teatro. O ator veterano, que está com 76 anos, chocou o público ao se vestir de mulher na comédia estrelada por Marilyn Monroe em 1959. Agora ele volta, em outro papel, em uma versão para os palcos que vai viajar pelos Estados Unidos. No original, ele fazia o papel de um músico que tinha de se vestir de mulher para fugir da máfia, mas no teatro ele vai ser o milionário excêntrico Osgood Fielding. Curtis diz que não se importou de aparecer com roupas femininas no filme, mas que está gostando de fazer outro papel para não ter de usar sutiãs. ?Calcinhas até que não eram problema?, disse o ator à revista ?People?. O filme foi dirigido por Billy Wilder, que morreu ontem em Los Angeles, aos 95 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.