Título honorífico que Lennon devolveu à rainha é encontrado

Cruz de metal de Membro do Império Britânico foi devolvida em um ato de oposição à Guerra do Vietnã

EFE,

06 de janeiro de 2009 | 16h25

O título honorífico que John Lennon devolveu à rainha Elizabeth II em 1969 - em um ato de rebeldia por sua oposição à Guerra do Vietnã - foi encontrado no palácio de St.James, em Londres, publica nesta terça-feira o jornal The Times. Até agora, os admiradores dos Beatles acreditavam que o título de Membro do Império Britânico (MBE), uma cruz de metal que Lennon recebeu da soberana em 1965, tinha sido fundida após o músico a devolver em sinal de protesto. Entretanto, a honraria de MBE foi encontrada e exposta na Chancelaria Central do palácio de St.James, na caixa original de apresentação. Um porta-voz do palácio de Buckingham, residência oficial da Família Real, disse ao periódico que a decisão sobre o futuro da condecoração está nas mãos da viúva de Lennon, Yoko Ono. "O MBE de John Lennon está cuidado e armazenado na Chancelaria Central. Permaneceu retido desde o dia em que Lennon o devolveu, mas para decidir se a medalha será exposta em um museu temos que decidir primeiro sua propriedade. Dependerá de Yoko Ono, pois ela é a detentora dos pertences de John Lennon", disse um porta-voz do Palácio. Em novembro de 1969, o ex-Beatle decidiu devolver o título-recebido também pelos outros três integrantes do grupo. Em carta que Lennon enviou à rainha, ele dizia que não queria o MBE em protesto pelo apoio do Reino Unidos aos Estados Unidos no Vietnã.  

Tudo o que sabemos sobre:
John LennonElizabeth II

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.