Tiago Leifert enlatado

Apresentador do Globo Esporte inicia caravana por São Paulo

ALLINE DAUROIZ, O Estado de S.Paulo

17 de janeiro de 2012 | 03h08

Famoso pelo estilo despojado que deu à edição paulistana do Globo Esporte, Tiago Leifert ganha, a partir da próxima segunda-feira, uma versão de programa "enlatada e com rodinhas", como ele mesmo apelidou o novo estúdio móvel que aparecerá pelo menos uma vez por semana no jornalístico.

Adaptado pela equipe do Lata Velha, quadro de restauro de automóveis do Caldeirão do Huck, o ônibus perdeu as poltronas e ganhou telão, sofá para receber convidados, luzes de estúdio, além de redação, camarim e banheiro, para comportar ao menos 20 pessoas da produção.

"Queremos ir aonde a notícia está. Vamos circular por São Paulo, na porta dos treinos e na saída das escolas, onde tem uma molecada com boa energia, que é a cara do programa", explica Leifert que, na última quinta-feira, completou três anos como apresentador e editor-chefe do Globo Esporte.

Segundo o jornalista, a ideia do ônibus começou a ser discutida no fim de 2010 e veio da vontade de contemplar quem não está em casa para ver o programa ou quem, na hora do almoço "está na padaria vendo a TV no mudo".

"Quase todo dia tem no estúdio filho de funcionário, gente do Comercial da Globo e cliente de fora, todos doidos pra ver como o programa é feito. Então, pensei em sair do estúdio. Mas a ideia do ônibus foi da nossa produtora Karina Falzoni", conta.

Leifert, que se diz "meio fominha" no trabalho, diz que, provavelmente, ele comandará as matérias do veículo, mas não descarta que outros repórteres da casa possam substituí-lo. "Acho que o único que pode ter alguma dificuldade é o (repórter) Bruno Laurence, que tem mais de 1,90m e não cabe de pé no ônibus", diz, rindo.

A princípio, a jornada da caravana do Globo Esporte fica pelo Estado de São Paulo, para cobrir o Campeonato Paulista, mas Leifert não descarta a visita a outros Estados, quando começar o Campeonato Brasileiro.

"Queria até aproveitar esta entrevista para mandar um abraço pro pessoal da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego)", disse o apresentador por telefone ao Estado. "Vamos ter de contar com eles, porque, com certeza, onde o ônibus parar, vai chamar a atenção. Não queremos atrapalhar ainda mais o trânsito de São Paulo."

Já sobre o Central da Copa, programa que apresentou Leifert à rede nacional, e que alcançava bons índices de audiência na madrugada, depois dos jogos, Leifert diz que a atração pode voltar no meio do ano, para a Eurocopa.

CALENDÁRIO DE SÉRIES

Warner anuncia a volta se seus episódios inéditos. Hoje tem The Big Bang Theory

(20h), 2 Broke Girls (20h30), Person of Interest (21h) e Fringe (22h); amanhã, Two

and a Half Men (20h) e The Secret Circle (21h); e, quinta, The Middle (20h)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.