'The White Ribbon', de Haneke, vence Palma de Ouro

O sombrio drama do diretor austríaco Michael Haneke, "The White Ribbon" (A fita branca), venceu a Palma de Ouro hoje no Festival de Cinema de Cannes, que premiou também os atores dos filmes de Quentin Tarantino e Lars von Trier.

AE-AP, Agencia Estado

24 de maio de 2009 | 19h12

Christoph Waltz foi o vencedor na categoria de melhor ator pelo épico de Tarantino sobre a 2ª Guerra Mundial, "Inglorious Bastards", enquanto o prêmio de melhor atriz ficou com Charlotte Gainsbourg, pelo filme de von Trier "O Anticristo".

Haneke dedicou o prêmio a sua esposa, notando que a "felicidade é algo muito raro". "Este é um dos momentos da na minha vida no qual estou muito feliz, e você também, acredito", disse Haneke.

"The White Ribbon" examina o ambiente repressor, de desconfiança e punições que envolve os residentes de uma pequena cidade alemã cercada por tragédias e acontecimentos estranhos às vésperas do início da 1ª Guerra Mundial.

O grande prêmio do júri foi para o drama do diretor francês Jacques Audiard, "Um Profeta", que retrata a involuntária ascensão no mundo do crime do árabe Malik El Djebena.

Tudo o que sabemos sobre:
Cannesfilme

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.