Textos inéditos de Manuel Puig chegam às livrarias

Textos inéditos do argentino Manuel Puig, morto em 1990, chegarão às livrarias da Argentina esta semana, conforme revelou hoje o jornal El Clarín. Un Destino Melodramático vai reunir textos curtos, fragmentos, esboços de roteiros e adaptações para cinema e teatro. O título vem de uma destas histórias, que foram reunidas por Graciela Goldchluk após anos revirando acervo da mãe do escritor. Entre os achados estão um monólogo com quase toda a trama de A Traição de Rita Hayworth e idéias para adaptação de O Beijo da Mulher Aranha. Un Destino Melodramático marca a estréia da editora El Cuenco de Plata. Para o meio do ano, prevê-se uma edição toda dedicada aos roteiros de Puig. Mais adiante, espera-se a digitalização da íntegra de sua obra.Nascido em 1932, em General Villegas, Puig mudou-se com a família para a capital Buenos Aires aos 13 anos. Nos anos 50, deixou o país para estudar cinema em Roma, uma de suas grandes paixões. Estreou na literatura em 1965 com A Traição de Rita Hayworth. Seu maior sucesso foi O Beijo da Mulher Aranha, traduzido para 27 idiomas, e sucesso nos cinemas na versão de Hector Babenco, de 1984. Com Sônia Braga e William Hurt no elenco, o filme rendeu a primeira indicação ao Oscar para o cinema brasileiro. Depois de passar por Nova York e voltar a Buenos Aires, Puig mudou-se para o Rio de Janeiro, em 1981. Em 1989, trocou o Brasil pelo México, estabelecendo-se em Cuernavaca. Morreu no ano seguinte, aos 57 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.