'Terra deu, Terra come' ganha prêmio no É Tudo Verdade

O júri brasileiro do 15º Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade elegeu "Terra Deu, Terra Come", de Rodrigo Siqueira, como o melhor documentário nacional. O filme mostra a trajetória da cidade grande para o sertão, em busca do sal da terra. No encerramento do festival, sábado à noite, a repórter do Caderno 2 Flávia Guerra faturou a menção honrosa do júri por seu curta "Karl Max Way", sobre um motoboy brasileiro em Londres.

AE, Agência Estado

19 Abril 2010 | 10h02

O júri internacional dividiu o prêmio entre dois trabalhos de perfis bastante diferenciados - "La Danse", de Frederick Wiseman, e "O Homem Mais Perigoso do Mundo", de Rick Goldsmith e Judith Ehrlich. Em seu filme, Wiseman usa dançarinos para mostrar a leveza e graça da dança como resultado do esforço humano pela perfeição e o equilíbrio. "O Homem Mais Perigoso" é sobre Daniel Ellsberg, ex-funcionário do Pentágono que revelou documentos secretos do governo americano sobre a Guerra do Vietnã. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais conteúdo sobre:
cinemafestivalÉ Tudo Verdade

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.