Terça Insana, programa disputado em SP

A idéia era mostrar aos colegas de profissão os personagens criados em mesas de bar e durante brincadeiras. O encontro de atores ocorreria nas noites de terça, e por isso se chamaria Terça Insana. Na primeira terça, no teatro Next, no centro da cidade, 60 dos 102 lugares estavam ocupados. Na segunda semana, foram 80 convidados e na terceira já havia gente em pé. De novo endereço, no Avenida Club, em Pinheiros, o show de humor Terça Insana está fazendo mais sucesso do que nunca: os 500 lugares se esgotam com um dia de antecedência e há gente de outros estados assistindo ao espetáculo, que passará a ser roteiro de caravanas do interior de São Paulo. "O espetáculo já se tornou conhecido em várias cidades do interior e em duas semanas devo começar a trazer ônibus com este público", garante o produtor cultural Francisco Carlos, que também está vendendo os ingressos para o show por seu site www.teatrochique.com.br. A criadora do Terça Insana, a atriz gaúcha Grace Gianoukas, conta que não imaginava que seu projeto. que começou despretensioso, se tornaria um dos mais concorridos da cidade. O sucesso da Terça Insana tem sido tão grande que Grace está montando uma agência de comediantes para criar uma espécie de elenco paralelo com o "selo de qualidade" da Terça Insana para se apresentar em bares, festas e até teatros do interior. "Vai ser uma forma de dar emprego para muita gente nova que atua e escreve comédia", diz Grace, que garante ainda não estar ganhando dinheiro com seu trabalho de humor. A fórmula do espetáculo está calcada numa receita relativamente antiga: esquetes de humor escrachado feitos de maneira quase improvisada e que contam com a participação da platéia. Todas as terças, há um novo tema para ser desenvolvido pelos atores do elenco fixo e os convidados. Desde que se mudou para o Avenida Club, há três semanas - o espetáculo permaneceu um ano e quatro meses no Next e foi visto por 15 mil pessoas - a Terça Insana já atraiu 1.500 pessoas em apenas três apresentações. O público também não se restringe mais àquelas figuras típicas do underground paulistano, Profissionais liberais, homens de terno e gravata e pessoas idosas brigam por um lugar nas mesas. Serviço: Terça Insana, no Avenida Club, Rua Pedroso de Moraes, 1036, tel.: 3814-7383. Toda terça, às 22h. Ingressos: de R$ 10 a R$ 20. Folga na terça de carnaval.

Agencia Estado,

27 de fevereiro de 2003 | 10h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.