Tela de Picasso é leiloada por preço recorde

A tela Garçon à Pipe (Menino com Cachimbo, de 1905), do artista espanhol Pablo Picasso, foi vendida hoje por US$ 104 milhões na casa de leilão Sotheby?s, em Nova York. O valor inclui o preço do arremate, US$ 93 milhões, mais a comissão da Sotheby?s, que ficou em torno de US$ 11 milhões. É o preço mais alto pago por uma obra de arte até hoje. O recorde anterior era da tela Retrato do Doutor Gachet, de Vincent Van Gogh, leiloada em 1990 pela Christie´s por US$ 82,5 milhões, valor que incluía a comissão da casa.A Sotheby´s ainda não divulgou o nome do comprador do Picasso. O pintor tinha apenas 24 anos quando fez o quadro, pouco depois de mudar-se para Paris, que mostra um jovem parisiense com um cachimbo na mão esquerda e uma guirlanda de flores na cabeça. A casa de leilão classificou a tela como ?uma das mais belas pinturas do Período Rosa (1905-1906) do pintor e uma das obras iniciais de Picasso mais importantes que apareceram no mercado.? O quadro era parte de uma grande coleção de obras de Picasso, Edouard Manet, Edgar Degas e outros, num total de 34, estimadas em US$ 140 milhões, pertencentes a uma fundação filantrópica criada por Betsey Whitney, em 1982, após a morte de seu marido, John Hay Whitney.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.