Teatro Municipal de SP anuncia temporada de 2002

Foi anunciada a temporada 2002 doTeatro Municipal de São Paulo, a primeira sob a direção musicaldo norte-americano Ira Levin, confirmado para o cargo após regerem setembro os concertos em comemoração aos 90 anos do teatro. Além de peças teatrais - parte do Projeto Formação doPúblico da Prefeitura - o Municipal vai abrigar cinco óperas(ainda sem elencos definidos), da temporada de concertossinfônicos, do Quarteto e do Balé da Cidade. Segundo aSecretaria Municipal de Cultura, assinaturas para a temporadaserão colocadas à venda a partir de fevereiro.Destaques - O teatro será o destaque de fevereiro, com aapresentação das peças "Caiu o Ministério!", "Pedro Mico","Nossa Vida em Família" e "Geração Trianon". A programaçãomusical começa apenas em março, com a primeira ópera: "Carmen" de Georges Bizet, remontagem da produção que estreou emsetembro no Teatro Alfa, com a participação da OrquestraExperimental de Repertório, sob regência de Jamil Maluf, e desolistas brasileiros como Luciana Bueno e Guiomar Milan.Também em março, tem início a programação sinfônica, como "Réquiem" de Mozart interpretado pela Orquestra SinfônicaMunicipal, sob regência de Kristian Commichau. Realizado emparceria com o Instituto Goethe, o concerto já tem confirmada aparticipação da soprano Hedwig Westhoff-Düppmann e o tenor JanKobow. A parceria com o Goethe também trará à cidade, em abril,o maestro Frank Strobel que, à frente da Sinfônica Municipal,vai reger as composições criadas por Bernd Schultheis para ofilme "Metrópolis", de Fritz Lang, que será exibido durante oconcerto.Ainda em abril, o maestro Ira Levin faz seu primeiroconcerto com a orquestra no posto de diretor musical, semprograma definido. Também os seus concertos já programados paramaio e junho ainda não tiveram as peças a serem executadasdivulgadas pela Secretaria Municipal de Cultura. Em maio, asoprano norte-americana Deborah Voight volta a São Paulo para umrecital ao lado da Sinfônica Municipal, que será regida porJulius Rudel, importante maestro que nos últimos anos tem sidopresença constante na programação do teatro, dentro da temporadados patronos. A soprano June Anderson também fará apresentaçõesno teatro, em novembro.A interpretação, pela Experimental de Repertório e JamilMaluf, de "João e Maria", de Humperdinck, dará continuidade,em junho, à programação de ópera, que terá "Macbeth" (julho) e"Simon Boccanegra" (agosto), ambas de Verdi, "Sansão eDalila" (setembro, em versão de concerto), de Saint-Saëns, e"Don Giovanni" (outubro), de Mozart.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.