Tarsila e Guignard são destaques de leilão em SP

Ocorreu anteontem à noite, no Hotel Unique, em São Paulo, o primeiro leilão de 2004 da Companhia das Artes. O evento, liderado pelo leiloeiro Claudio Cohn, teve como destaques as vendas das obras Ouro Preto (óleo sobre madeira), de Alberto da Veiga Guignard, por R$ 480 mil, e o quadro Vaso de Flores, de Tarsila do Amaral, pelo mesmo preço. Dos 168 lotes oferecidos, 80 foram vendidos. Cohn afirma que a arrecadação total foi de cerca de R$ 6 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.