Tarantino diz que lesão o impede de ir a Veneza

Em carta, cineasta lamenta 'não ter conseguido ver e desfrutar de todos os spaghetti western programados'

Efe,

07 de setembro de 2005 | 18h01

O cineasta americano Quentin Tarantino, um dos convidados de honra mais aguardados no 64.º Festival Internacional de Veneza, não poderá comparecer ao evento e justificou nesta quarta-feira, 5, sua ausência devido a "uma lesão nas costas".  Decepção na releitura de Django, do japonês Takashi Miike  Trailer de 'Sukiyaki Western Django'  "Tenho o coração partido por não ter conseguido ver e desfrutar de todos os 'spaghetti western' programados pelo festival", disse Tarantino em carta ao diretor do Festival de Veneza, Marco Müller. "Espero que quando o festival acabar, Sergio Corbucci ocupe o lugar que merece, entre Sergio Leone, John Ford, Howard Hawks e Anthony Mann, como um dos maiores diretores de western da história", acrescentou no texto. Corbucci é um dos autores mais representados na seção especial "Spaghetti Western" de Veneza. Entre suas obras está Sukiyaki Western Django. "Que todos bebam um bom vinho, comam boa comida, naveguem pelas águas e desfrutem da magia do cinema", conclui a carta. A ausência de Tarantino se une à de outras estrelas esperadas para o evento, inaugurado no último dia 29. A atriz Scarlett Johansson está entre as que não puderam comparecer.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.