Supla volta ao ar na Globo e MTV

Depois de Wanessa Camargo, Marcelo D2 e João Gordo, é a vez de Supla, Marta, Eduardo, João, André, enfim, todos os Suplicys protagonizarem o seriado em seis episódios de Família, produzido pela MTV, que estréia no dia 3 de maio."Foi bem diferente de Casa dos Artistas, gostei muito de fazer", adiantou o cantor. Uma câmera acompanhou Supla em todos os momentos: do cabeleireiro aos ensaios do show Bossa Furiosa. "Eles gravaram um ensaio e não desligaram a câmera nem durante uma discussão que tive com meu irmão João. A equipe também foi até Heliópolis, onde todas as semanas eu jogo futebol com um time de garotas", disse o cantor, santista roxo.Mas os telespectadores podem esperar indiscrições ou momentos constrangedores? "A câmera até tentou entrar no banheiro, mas aí não dá, né?", brinca o papito. A mãe de Supla, a prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, a princípio não gostou muito da idéia de participar do programa. "Mas ela é minha mãe, tinha que aparecer, já que é um programa sobre família. Não tenho culpa se ela é prefeita, né?". Já o senador do PT Eduardo Suplicy foi mais fácil de ser convencido. O cantor prefere fazer suspense sobre a participação dos pais famosos no programa, mas adianta que em nenhum momento se falou de política. "Eles só apareceram como pais mesmo." Supla também garante que nenhuma cena foi censurada.Ele deve assistir à estréia do especial no Rio de Janeiro, onde está há três semanas gravando uma participação no seriado infantil da Rede Globo O Sítio do Pica-pau Amarelo. "Eu interpreto Elvis McCartney, que usa uma peruca muito maluca e é o empresário da personagem da Wanessa Camargo", explica. Sua estréia nas manhãs da Globo, ao lado do Visconde do Sabugosa, do Pedrinho e da Narizinho, também deve acontecer em maio. Além dos projetos na TV, ele prepara seu novo CD, Nas Nuvens, produzido por Liminha. "É um disco temático, só com músicas sobre mulheres", adianta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.