Streetwear fecha 2º dia do MorumbiFashion

A Zapping encerrou o último desfile do segundo dia mais comedida do que o usual. O mix de estilos, que está sempre presente, mas desta vez mais comercial. As sobreposições nas saias e regatas deixam várias alças e barras aparentes. Há uma explosão de cores e estampas, desde as mais apagadas até as mais fortes. No masculino, calças pula-brejo ou oversize e camisetas rasgadas usadas com shorts curtos e desfiados.Na passarela, Renato Kherlakian colocou balões prateados, atrapalhando um pouco a performance das modelos, que acabaram tropeçando. Um dos looks chave da coleção foram os leggings estampados bem coloridos sob shorts curtinhos. É uma moda jovem, urbana e confortável. Os acessórios aparecem em pulseiras multicoloridas, argolas e sandálias com solado colorido e tiras transparentes. Alguns sapatos vinham combinados com meinhas soquete no melhor estilo dancing days. A transparência também estava em cintinhos de plásticos usados sempre em duplas ou triplas sobre as calças de cintura baixa.O couro, jeans e o algodão foram tecidos mais usados nas cores rosa, laranja, verde, azul e amarelo. Um look interessante era a bermuda ciclista jeans abotoada sobre um biquíni também em jeans escuro deixando as ancas à mostra. As calças abertas na lateral e presas com fios transpassados pareciam ser as mais diferentes. Havia também blusinhas em lurex e saias bem curtas deixando aparecer as pernas.O supermercado de estilos da Zapping está menos arrojado, sem muitas novidades nas modelagens. Uma moda para o adolescente urbano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.