Steven Seagal:livre de processo

O ator Steven Seagal conseguiu se livrar do processo movido contra ele por uma ex-assistente por assédio sexual. Documentos judiciais arquivaram o caso em Los Angeles. A modelo Kayden Nguyen, que acusava Seagal de obrigá-la a permanecer em uma casa na Louisiana e de tê-la a acariciado em várias ocasiões, pedia US$ 1 milhão de indenização. Os advogados do ator tentavam chegar a um acordo, mas não houve uma explicação sobre o motivo da anulação do processo. As acusações prejudicaram a carreira de Seagal, que perdeu diversos trabalhos, entre eles, um reality show na TV americana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.