Stephen Fry: prêmio por autobiografia

LITERATURA-2

, O Estado de S.Paulo

12 de novembro de 2010 | 00h00

O ator e diretor britânico Stephen Fry ganhou o prêmio Galaxy National de biografia pelo segundo volume de suas memórias. Com a obra Fry Chronicles, o autor desbancou o ex-primeiro-ministro Tony Blair, que também havia publicado um livro autobiográfico, e o empresário Alan Sugar, reconhecido pela versão inglesa de O Aprendiz. Os romancistas veteranos Martin Amis e Terry Pratchett foram contemplados na premiação por sua trajetória literária. O prêmio de autor britânico foi dado a Hilary Mantel pelo livro Wolf Hall, enquanto o americano Jonathan Franzen ganhou na categoria artista internacional do ano, por Freedom. / EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.