'Stayin Alive' do Bee Gees tem ritmo bom para massagem cardíaca

Médicos norte-americanos descobriram que a música "Stayin Alive", sucesso da banda Bee Gees em 1977, possui o ritmo ideal para a realização de uma massagem cardíaca em uma vítima de ataque do coração. A associação norte-americana do coração recomenda que as massagens cardíacas sejam feitas em um ritmo de 100 batidas por minuto em massagens cardiopulmonares . "Stayin Alive" tem quase o mesmo ritmo, 103 batidas por minuto. A RCP é uma técnica de emergência que envolve compressões o tórax ou respiração boca-a-boca. Ela é utilizada em situações de parada cardíaca, quando os batimentos cardíacos ou a respiração de um indivíduo param. A RCP pode triplicar as taxas de sobrevivência em situações de emergência, mas muitas pessoas são inseguras sobre sua aplicação pois não sabem o ritmo adequado para as compressões. Pesquisas mostraram que muitos fazem as compressões muito lentamente durante a RCP. Em um pequeno estudo dirigido pelo Dr. David Matlock da Faculdade de Medicina da Universidade de Illinois em Peoria, a música "Stayin' Alive" ajudou 15 médicos e estudantes de medicina a aplicar massagens cardíacas em bonecos na velocidade adequada. Depois de cinco semanas praticando a RCP com o auxílio da música, foi pedido que os participantes realizassem a RCP novamente mentalizando a música, e o bom ritmo das compressões foi mantido. "O tema 'Stayin' Alive' é muito apropriado para a situação", disse Matlock em uma entrevista na quinta-feira. "Todos já ouviram a música pelo menos uma vez na vida. As pessoas conhecem a música e ela pode ser mentalizada." As descobertas serão apresentadas neste mês durante um encontro da Academia norte-americana de médicos de emergência em Chicago.

REUTERS

16 de outubro de 2008 | 16h46

Tudo o que sabemos sobre:
CIENCIAMUSICASAUDEALIVE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.