Mario Anzuoni/ Reuters
Mario Anzuoni/ Reuters

Stan Lee, magnata da Marvel, obtém ordem de proteção contra seu cuidador

Keya Morgan está sendo investigado por abusos contra o quadrinista de 95 anos

Reuters

14 Junho 2018 | 20h20

LOS ANGELES - Uma ordem temporária de restrição foi emitida na quarta-feira contra o cuidador de Stan Lee, Keya Morgan, que foi acusado ante um tribunal de submeter o magnata da Marvel, de 95 anos, a abusos desde que assumiu o comando de seus assuntos legais no início do ano. 

A petição para a ordem de restrição foi protocolada em nome de Lee por seu advogado Tom Lallas, que disse que foi removido da função de advogado de Lee em fevereiro quando o colecionador de memorabília Keya Morgan “se inseriu na vida do sr. Lee” depois da morte de sua esposa, no ano passado. 

+++ Polícia de Los Angeles investiga se Stan Lee vem sofrendo abusos

De acordo com a versão de Lallas em documentos de apoio no tribunal, Morgan tomou o controle da casa de Lee, contratou seguranças com ordens para manter afastados familiares e outras pessoas nas quais Lee confiava, e então tirou Lee de sua casa familiar e o mudou para um edifício. 

+++ Stan Lee, ícone dos quadrinhos, é acusado de abuso sexual

“O requerente, juntamente com serviços de proteção ao adulto e as forças policiais, acredita que o sr. Morgan está influenciando e isolando o sr. Lee”, escreveu Lallas na petição. 

Durante as últimas cinco décadas, Lee criou e ajudou a promover personagens como o Homem-Aranha, Homem de Ferro, Hulk e uma série de outros super-heróis da Marvel, que se tornaram figuras míticas na cultura pop e sucessos retumbantes nas bilheterias de cinema. 

+++ Stan Lee é internado em hospital em Los Angeles

Morgan foi preso na segunda-feira sob suspeita de fazer um boletim policial falso ao fazer uma ligação de emergência para o número 911 para um assalto na casa de Lee. A ligação foi feita pouco depois que dois detetives de polícia e um assistente social foram chamados para checar o estado de Lee, de acordo com um depoimento policial incluído na petição de Lallas. 

No início da semana Lee disse em um vídeo postado em sua conta no Twitter que Morgan é a única pessoa que o representa. 

Mais conteúdo sobre:
MarvelStan Lee

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.