Divulgação
Divulgação

Soundscape Big Band lança seu terceiro álbum

Banda instumental, uma das integrantes do Movimento Elefantes, lança disco 'Cores Vol I'

AE, Agência Estado

18 de agosto de 2011 | 09h29

A assessoria de imprensa do Movimento Elefantes informou que a banda Soundscape, uma das dez big bands que integram o coletivo, lançará seu terceiro disco Cores Vol. I no dia 22 de agosto, às 21h, no Teatro da Vila. De acordo com a assessoria de imprensa, o "CD mostra a nova cara da Soundscape, que desde 2009 investe na experimentação de novos ritmos e instrumentos."

De acordo com o texto de divulgação, "os saxofonistas, neste trabalho, tocaram também clarinete, flautas, flauta picollo, clarone e sax soprano o que contribuiu para a diversidade sonora. Nos trompetes, também houve o uso do flugelhorn. A personalidade musical ganhou um caráter mais melódico e ritmos diferentes dos demais discos, como, por exemplo, a bossa nova e o jazz rock, fugindo do straight ahead norte americano".

De acordo com o texto de divulgação, a ideia inicial era que o CD chamasse "paisagens sonoras" assim como o próprio nome da banda - Soundscape -, "contudo os integrantes optaram por uma nome que fizesse referência mais direta a matizes, contrastes e intensidades, e então surgiu"Cores vol. I.

"O CD será lançado pelo selo Elefantes, que desde o ano passado tem difundido a música instrumental das 10 big bands paulistas do coletivo Movimento Elefantes com lançamentos de novos CDs dos grupos, além do primeiro álbum do coletivo lançado em junho deste ano."

O show acontecerá na temporada do coletivo que faz apresentações permanentes no Teatro da Vila desde 2009, sempre às segundas-feiras, às 21h. A cada semana uma orquestra do Movimento Elefantes sobe ao palco para mostrar seu repertório e ao final de cada apresentação o público contribui com a quantia que achar justa, no sistema "pague quanto vale".

História - Criada em 1999, a Soundscape big band respeita a estrutura clássica de uma big band, com 5 saxofones, 4 trombones, 4 trompetes, baixo acústico, bateria, piano e guitarra. O grupo é formado por músicos influenciados pelos grandes mestres do Jazz, e que têm por afinidade a dedicação às big bands.

A banda conta com a experiência de músicos que se apresentaram em grupos de grandes nomes: Lionel Hampton Orchestra, Tom Jobim, Maria Schneider, Lee Konitz, Ivan Lins, Milton Nascimento, João Bosco entre outros. A Soundscape fez apresentações ininterruptas durante 8 anos no Blen Blen Brasil, onde cativou e consolidou uma geração de ouvintes; além disso, levou sua música para importantes palcos de São Paulo e do Brasil.

Desde o surgimento da Soundscape a big band teve como diretriz o movimento "mainstream" dos anos 50, 60 e 70, bem como, Orquestras de Jazz e influências de artistas renomados da música instrumental como Wes Montegomery, Thad Jones, Duke Ellington, Horace Silver entre outros. O resultado dessa experiência foi a gravação de dois CDs: Maybe September (Rainbown Records/Itunes), produzido por Ruriá Duprat em 2001, e Uncle Charles (Guandama Music) de 2007.

Em 2008, a Soundscape iniciou um novo projeto com o saxofonista/compositor e arranjador Ohad Talmor, músico do atual cenário musical em Nova York. Em contato com a banda, presenteou composições de concepção contemporânea; Naked Soul de Michael Brecker; Ornetty + Sept.11, e Sound Lee composta por Ohad/Lee Konitz.

Em 2009 a big band foi uma das bandas fundadoras do coletivo Movimento Elefantes com quem tem articulado ações colaborativas para a promoção da música instrumental brasileira.

Paisagens - De acordo com a assessoria de imprensa, a partir de 2009 houve uma reformulação e renovação da Soundscape Big Band, seus integrantes abriram-se a novas perspectivas experimentando novas texturas e estilos de composições, traduzindo a essência do nome Soundscape (paisagem sonora).

O novo álbum, Cores Vol I, vem contemplar um desejo recente da Soundscape de criar uma relação próxima com a world music. Para isso a big band adotou um caráter mais melódico e ritmos diferentes dos demais discos, como, por exemplo, a bossa nova e o jazz rock, fugindo do "straight ahead norte americano".

Neste CD alguns dos músicos experienciaram o uso de outros instrumentos além dos de costume. Este é o caso dos saxofonistas que por "exigência" da orquestração dos arranjos, além dos saxofones tocaram clarinete, flautas, flauta picollo, clarone e sax soprano de modo que esses recursos foram aproveitados na diversidade sonora. Nos trompetes, também houve o uso do flugelhorn.

"Cores: matizes, contrastes e intensidades bem como a música!" segundo Junior Galante.

Lançamento Cores Vol I - Soundscape Big Band

Dia 22 de agosto, segunda-feira, às 21h

Teatro da Vila

Rua Jericó, 256 - Vila Madalena.

Valor do Ingresso - Pague quanto vale - o público paga o valor que achar justo , após a apresentação

100 lugares

Duração - 60 minutos

Indicação de faixa etária - Livre

Estacionamento no local, não conveniado

Escalação do "time"

Saxofones

Josué dos Santos - líder - alto/ soprano/ flauta/ flauta alto

Samuel Pompeo - alto / flauta/ clarinete baixo

Carlos Alberto Alcântara - sax tenor / flauta

Vitor Alcântara - sax tenor/ soprano/ flauta/ sax alto

Trompetes

Junior Galante - líder

Paulo Baptista

Daniel D''Alcântara

Sidmar de Souza

João Lenhari

Trombones

Paulinho Malheiros - líder

Jorge Neto

Marcelo Boim

Jaziel Gomes - trombone baixo

Sessão Rítmica

Edinho Sant''Anna - piano

Djalma Lima - guitarra

Bruno Migotto - contrabaixo

Edu Ribeiro - bateria

Notícias relacionadas
    Tudo o que sabemos sobre:
    música instrumentalSoundscapemúsica

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    • Netflix divulga as 5 séries internacionais preferidas do público brasileiro
    • Projeta Brasil do Cinemark apresenta filmes brasileiros por apenas R$ 4
    • Glória Maria faz cirurgia para remover lesão cerebral e passa bem
    • ‘Sonic - O Filme’: Internautas aprovam ‘reforma’ do personagem; assista
    • Lollapalooza Brasil 2020: confira o line up por dia 

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.