Pedro Inoue
Pedro Inoue
Imagem Roberta Martinelli
Colunista
Roberta Martinelli
Som a pino
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Som a Pino: 'Hoje é dia de festa'

Um ano no ar. Tanta coisa pra contar. E começa antes do primeiro dia... A mensagem de texto “Olá, aqui é o Emanuel Bonfim, da 'Rádio Eldorado', e gostaria de te fazer uma proposta”

Roberta Martinelli, O Estado de S.Paulo

18 de julho de 2017 | 08h55

Nesta terça, minha coluna vai ser em comemoração ao programa de rádio Som a Pino, pois, neste 18 de julho, estamos há um ano no ar. Nossa! Mas, que egotrip: uma coluna dela dedicada ao programa dela... Pois é! Também diria isso de fora, e nem sei se vou conseguir provar o contrário, espero que sim. Mas, a real é que vivi tantos momentos lindos durante esse ano, que eu gostaria de compartilhar aqui. Comemorar um ano no ar com um programa de música brasileira de todos os tempos é uma conquista, sim. Por mais rádios, mais programas e mais música sempre.

Um ano no ar. Tanta coisa pra contar. E começa antes do primeiro dia... A mensagem de texto “Olá, aqui é o Emanuel Bonfim, da Rádio Eldorado, e gostaria de te fazer uma proposta”, depois a escolha do nome, o que fazer, como fazer, o medo - e que medo! - das pessoas não gostarem. Eu vou estar ao vivo todo dia, meio-dia na Rádio Eldorado. Aiiiiii! Que frio na barriga! E foi, começou, era 18 de julho de 2016. 

Recebi muitos convidados, especiais demais: Liniker, Tulipa, Emicida, Martinho da Vila, Sidney Magal, Mano Brown, Céu, Hyldon, Anelis Assumpção, Arnaldo Antunes, Cidadão Instigado e tantos, tanta história, tanta música. 

E tem o quadro que chama “a música mais maravilhosa do mundo” e eu pude ouvir histórias lindas, contadas por ouvintes. Teve o dia que nos emocionamos com a dedicatória de um pai para o filho que estava saindo do hospital e a música era Luca, uma canção lindíssima do Herbert Vianna que eu nunca tinha escutado. Teve uma filha que cuida do pai com uma doença degenerativa e juntos eles escutam o programa e o pai sempre pede pra ouvir quando chega meio-dia. Muitas crianças ouvindo o programa e participando da escolha das músicas quando “ficam voltando da escola”, como disse uma delas ao pedir Sítio do Pica Pau Amarelo, e a alegria que isso dá na gente... Mini ouvintes sensíveis ouvindo rádio e conhecendo a nossa música. E também casais comemoraram o amor no programa, e músicas foram oferecidas aos aniversariantes.

Todos os dias, nas transmissões do chat, uma turma fiel que me acompanha e está lá dia a dia, lado a lado, e que se auto intitula “família a pino”. 

O Brasil passando por loucuras, injustiças, e Douglas Germano tocando no rádio. A arte sendo marginalizada por governantes e Chico Buarque voando pela frequência modulada. Políticos homofóbicos pregando contra o amor e Liniker e os Caramelows tocando alto. 

Não tá fácil, eu sei. Sabemos. Mas, durante uma hora, todos os dias, eu acho que vai dar certo. E isso não é por causa do meu programa, mas pela força da música brasileira. 

Espero comemorar muitos anos e mais espaço. 

Música da Semana

‘Bala’

Primeira música lançada do novo disco do Otto. “É bastante biográfica - fala sobre o tempo, sobre as decisões do presente afetarem o futuro.” O disco leva o nome de Ottomatopéia e será lançado na sexta-feira, dia 28 de julho. O disco tem produção do Pupillo (Nação Zumbi). Contando os dias para ouvir. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.