Snoopy ganha série com dez livros no Brasil

Snoopy, Charlie Brown e toda sua turma, criados pelo cartunista Charles Schulz, costumam aparecer apenas nas tirinhas de alguns jornais (em São Paulo, apenas o Jornal da Tarde as publica), pois há nove anos não saía um livro com seus quadrinhos por aqui. Para pôr fim a tamanha injustiça, a editora Conrad está lançando ao longo do ano dez volumes com as descobertas, os amores, as decepções (principalmente as de Charlie Brown, claro) e as alegrias da turma. Dos dez livros, cinco já estão nas prateleiras, mais dois chegam daqui a três semanas e outros três serão lançados até o fim do ano. E pode ter mais em 2005. A série traz basicamente minilivros temáticos. O primeiro foi Snoopy, Eu te Amo, lançado em junho com mais de cem tirinhas sobre como os amigos são afetados pelo Dia dos Namorados. O cãozinho Snoopy, por exemplo, recebeu muito mais cartões em forma de coração do que Charlie Brown, cuja caixa de correio está sempre vazia). Em seguida, foram publicados quatro livrinhos de formato de bolso, com pensamentos sobre a amizade (Todos os meus Amigos, R$ 19) e a alegria nas pequenas coisas (Felicidade É... Um Cachorrinho Fofo, R$ 19), mas com todo o humor e de Schulz. Há ainda situações típicas dos amigos com ensinamentos pra lá de filosóficos, como em Pequeno Livro da Vida e Pequeno Livro de Estilo do Snoopy (R$ 7,90 cada). Os próximos lançamentos reunirão algumas das 17 mil tirinhas de Schulz. Diferentemente dos anteriores, esses títulos não são traduções de obras já lançadas fora do país. "A compilação foi feita pela própria redação. Selecionamos trabalhos do início da carreira do cartunista e outros recentes, de pouco antes de sua morte, em 2000", diz Flávia Tavares, gerente de livros da Conrad. Entre os cinco últimos livros estão A Vida É um Jogo e Que Saudade, Snoopy. O primeiro trata de disputa e vitória nos esportes e o segundo, da amizade entre Snoopy e a turma - ambos serão lançados no fim deste mês. E em setembro, os fãs poderão ler Você Tem Muito o Que aprender, Charlie Brown!, sobre a vida escolar, e Ser Cachorro É um Trabalho de Tempo Integral, com tiras sobre Snoopy e seus irmãos. Mas é em dezembro que chega às lojas a estrela da série: a Antologia Snoopy. "Será uma edição para colecionador, em que mostraremos a evolução do desenho de Schulz", diz Flávia. Um trabalho desafiador, que pretende mostrar toda a trajetória do cartunista e "poeta moderno", como definiu Umberto Eco.

Agencia Estado,

05 de agosto de 2004 | 17h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.