Sitcoms perdem espaço na TV americana

As quatro grandes emissoras de TV dos Estados Unidos, a ABC, CBS, NBC e Fox, anunciam esta semana sua nova programação, que entra no ar em setembro. Entre as tendências para a próxima temporada, os programas de "TV verdade" e os game shows seguem em alta. Em contrapartida, os sitcoms perdem espaço na grade.A NBC, que exibe alguns das sitcoms mais populares da TV americana, como Friends e Will & Grace, deve recuar um pouco dos seriados cômicos. Há apenas oito programas do tipo na nova grade do canal, o menor número desde 1982. Mas há algumas as novidades, como Emeril, uma série na qual o chef Emeril Lagasse faz o papel dele mesmo, Inside Schwartz, uma comédia estrelada por Breckin Meyer sobre um fã de esportes que não tem sucesso no amor, e Scrubs, uma espécie de Plantão Médico jovem e com humor.É nos dramas que estão as maiores apostas da NBC. Lei & Ordem continua dando frutos. O seriado policial, que está em sua 12ª temporada na emissora, ganha seu segundo filhote. Depois de Law & Order Special Victims Unit, é a vez de Law & Order Criminal Intent, que vai ter a perspectiva dos criminosos. No elenco, o destaque fica para Vincent D´Onofrio. Outras estréias são as de Crossing Jordan, em que Jill Hennessy (ex-Lei & Ordem) faz autópsias e soluciona crimes, e Undercover, sobre uma unidade de elite do Departamento de Justiça americano.A ABC tem algumas das estréias mais esperadas da temporada. São duas novas comédias e três novos dramas. Entre as comédias, estão uma sitcom familiar ainda sem título estrelada por Jim Belushi e o novo seriado do George Costanza de Seinfeld, Jason Alexander: Bob Patterson, sobre um guru de auto-ajuda. No gênero "TV verdade", a ABC vai exibir The Mole, sobre um grupo de competidores que tem de descobrir o sujeito que vai tentar sabotá-los.Na CBS, o grande destaque da programação de outono é a volta de Ellen DeGeneres, que causou polêmica em 1998 com o seriado Ellen (ABC), o primeiro da TV americana a ter um protagonista gay. Ela retorna à telinha com The Ellen Show (outro título divulgado é Ellen, Again), em que novamente faz o papel de uma lésbica. A atriz vai interpretar uma empresária gay que volta para o Meio-Oeste e é recebida como heroína, até que descobre que sua companhia de internet faliu. De acordo com a CBS, a diferença para o seriado antigo é que a opção sexual da personagem não vai ser o foco do programa.O resto da nova programação da CBS, que ganhou destaque entre as emissoras americanas por conta do sucesso do show Survivor, inclui Wolf Lake, uma série à la Arquivo X em que Lou Diamond Phillips é um investigador de atividades misteriosas que ocorrem no Noroeste dos Estados Unidos. Outro programa que tem chamado atenção nesta fase de divulgação dos novos shows é The Agency, que vai mostrar os bastidores da Agência Central de Inteligência (CIA). A Fox investe pesado nas comédias. A emissora vai colocar no ar quatro sitcoms: Bernie Mac, em que o comediante Bernie Mac cria os filhos de sua irmã; Andy Richter Controls the Universe, com o ex-sidekick do apresentador de talk-show Conan O´Brien; Greg the Bunny, sobre um boneco que estrela um programa infantil chamado "Sweetknuckle Junction"; e Undeclared, cuja história não foi divulgada ainda.Entre os dramas, vai estrear em setembro o novelão Pasadena (sobre uma família milionária do mundo editorial) e o thriller policial 24, estrelado por Kiefer Sutherland, em que ele é um agente que tenta evitar o assassinato da filha do presidente dos Estados Unidos. O destaque deste é que sua história é contada em tempo real cada episódio vai mostrar o período de "uma hora" de um mesmo dia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.