Show de Roberto e Caetano vai virar especial da Globo

A primeira apresentação do show de Roberto Carlos e Caetano Veloso em homenagem a Tom Jobim lotou ontem o Auditório do Ibirapuera, em São Paulo. A apresentação, que começou às 22h, com uma hora de atraso, foi gravada e será transmitida num especial da TV Globo em setembro. O espetáculo de hoje também será gravado. O show foi aberto com um dueto de Caetano e Roberto cantando Garota de Ipanema e, em seguida, Wave. Depois, os dois saíram do palco e Daniel Jobim, neto de Tom, ao piano, tocou Águas de Março. Daniel estava com um chapéu panamá, como o maestro costumava usar. Roberto e Caetano vestiam o mesmo figurino da apresentação no Teatro Municipal do Rio, na sexta-feira. O clima entre os astros era de admiração mútua. Antes de começar a cantar, Roberto saudou o companheiro de palco. ?Prazer em estar com Caetano, que admiro tanto.? O baiano retribuiu, brincando, após a primeira música. ?Desse cara aqui, não digo nada.? Na platéia, havia várias celebridades, como Daniela Cicarelli, Arnaldo Jabor, além de Rodrigo Santoro, que participa do filme Desafinado, sobre a Bossa Nova, com estréia no final de semana. ?Cresci escutando bossa nova em casa. E vim para ouvir Chega de Saudade?, disse o ator. Essa era mais uma das canções que seria cantada em dueto. As informações são do Jornal da Tarde.

AE, Agencia Estado

26 Agosto 2008 | 09h13

Mais conteúdo sobre:
música Roberto Carlos Caetano Veloso

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.