Show de moda em Paris

O desfile de Karl Lagerfeld apresentando sua moda outono-inverno nesta sexta-feira foi um dos pontos altos da semana de moda de Paris, com destaque para o romantismo de Ungaro e o folclore criado por Galliano para a maison Christian Dior e apresentado nos desfiles de ontem.A passarela de Lagerfeld abandona o estilo "madame" e aposta no colegial chique, fino e esportivo, imperando calças pretas, saias longas e blusas brancas. Charmosos casacos longos bem-cortados e perfeitos para qualquer garota ou mãe de família, combinam com cintos e muitas gravatas enfeitadas com uma espécie de colar de prata sugem como os acessórios preferidos pelo estilista. Couro e plumas aparecem em saias e jaquetas. Mas o ponto alto do desfile foram as jaquetas de cetim vermelho curtas ou longas, usadas com jeans, a perfeita expressão do que é chique e moderno.Seguindo caminho oposto, Emanuel Ungaro desfilou uma prazeirosa dose de romance em suas roupas. As cores cinza e branco inspiraram a coleção de legs em chiffon combinadas com mini-túnicas. O tule rosa ou vermelho enfeitava vestidos drapeados, ou com sofisticadas estampas florais, com as modelos representando autênticas figuras da Renascença.Inevitável lembrar o show à parte de John Galliano para a maison Christian Dior entre os desfiles de ontem. Um folclore vistoso e multicolorido marcou sua coleção outono-inverno. Ninguém faz um desfile como o grande Galliano, com as modelos usando plataformas e saltos altíssimos, tops pinks, calças justas, saias curtas, combinações sensuais de cores e modelos, com direito a saias com desenhos geométricos branco-e-preto, flores de lotus, tudo na mais genuína inspiração chinesa. Clique para ver a galeria de fotos

Agencia Estado,

07 de março de 2003 | 19h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.