Shia LaBeouf é preso em Chicago após confusão em farmácia

Porta-voz da polícia afirma que o ator foi indiciado por invasão de local comercial e uma infração

REUTERS

05 de novembro de 2007 | 12h04

O ator Shia LaBeouf, queridinho do momento em Hollywood e protegido de Steven Spielberg, foi preso na madrugada de domingo, 4, após uma confusão em uma farmácia de Chicago. A notícia foi veiculada pelo Chicago Tribune em seu site. O ator de 21 anos, que cultiva uma imagem de sobriedade e distância total de drogas e álcool, vem tendo papéis em filmes patrocinados por Spielberg, como Transformers e a sequência dos filmes de Indiana Jones. Ele teria sido detido após a meia-noite depois de recusar vários pedidos feitos por um guarda de segurança para que saísse de uma loja da Walgreen. De acordo com o jornal, um porta-voz da polícia de Chicago disse que LaBeouf foi indiciado por invasão de local comercial e uma infração. O ator foi libertado sob fiança cinco horas depois e terá que comparecer ao tribunal em 28 de novembro. Em junho, LaBeouf disse ao Entertainment Weekly que evita propositalmente o estilo de vida que transformou celebridades como Lindsay Lohan e Britney Spears em alvos dos tablóides.

Tudo o que sabemos sobre:
Shia LaBeouf

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.