Série aborda grandes personalidades do País

Estréia amanhã, na TV Culturae Arte, a série Obra Aberta, conjunto de dez programas sobre avida e a obra de grandes personalidades brasileiras. Produzidospela TV PUC de São Paulo, os vídeos têm cerca de uma hora deduração e são apresentados por Marza Mendonça. A idéia por trásdos programas é promover uma relexão crítica sobre a cultura doPaís.O primeiro programa da série, amanhã à noite, édedicado ao compositor Heitor Villa-Lobos. Uma breve biografia,que acompanha o compositor desde à infância até a consagração naEuropa, trazendo inclusive imagens históricas de concertos seusna França, abre o programa. Na seqüência, o violonista TuríbioSantos é entrevistado pelo maestro Diogo Pacheco. Atual diretordo Museu Villa-Lobos do Rio, onde está praticamente todo oacervo do compositor, Santos tem em seu currículo deinstrumentista concertos e gravações dedicados ao autor dasBachianas, das quais se destaca o primeiro registro dos seusDoze Estudos para Violão, feito quando o violonista tinhaapenas 20 anos. Ele e o maestro Pacheco discutem a formação docompositor, suas principais obras e sua importância dentro docontexto da produção musical do País.Este esquema de entrevistas é a tônica de toda a série.Sempre dois especialistas estarão discutindo o legado de figurascomo Euclides da Cunha, Tarsila do Amaral, Machado de Assis,Cartola, Nelson Rodrigues, Lúcio Costa, Clarice Lispector,Joaquim Pedro de Andrade e Alfredo Volpi, personagens escolhidospara a primeira etapa da série, fruto do investimento de R$ 343mil da Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura.Assim como no programa dedicado a Villa-Lobos aparecemimagens exclusivas de seu acervo, nos outros episódios da sérieoutras preciosidades documentais estarão presentes. No dedicadoa Euclides da Cunha, por exemplo, serão mostrados os originaisdos artigos escritos por ele sobre a Guerra de Canudos. A últimaentrevista da escritora Clarice Lispector, dada ao programaPanorama em 1977, também será exibida, assim como umainédita do arquiteto Lúcio Costa, gravada pelo cineasta Moacirde Oliveira. Há ainda trechos de entrevistas de Tarsila doAmaral e de Nelson Rodrigues, em uma edição do programa VoxPopuli, gravada em 78. O compositor Cartola também serámostrado durante um show especial de 73 gravado pela TV Culturae no longa-metragem Ganga Zumba, de Cacá Diegues, no qualfez uma quase desconhecida participação como ator.Obra Aberta. Sexta, às 22h20. TV Cultura e Arte (canais: TVA, 16; TECSAT, 4; SKY, 26; DirecTV, 237).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.