Seriados antigos ganham espaço na televisão

Diversos seriados clássicos têm voltado com força à programação de TV, de canais abertos e por assinatura. Empoeirados, alguns mostram ainda pleno frescor, enquanto, em outros, as piadinhas não fazem mais sentido. A Rede 21, aberta, é uma das que apostam as fichas no segmento "do fundo do baú", com a estréia de antigas séries na faixa Cult Séries, que vai ao ar de segunda a sábado.Do pacotão, saíram Jeannie É um Gênio e Casal 20 para entrarem I Love Lucy, Agente 86, Ilha da Fantasia, Um Amor de Família, Guerra, Sombra e Água Fresca, As Panteras e o cultuado Jornada nas Estrelas. A série A Feiticeira foi poupada e será mantida na grade até janeiro, quando terminam os episódios. Segundo o diretor-geral da Rede 21, Mario Baccei, a decisão de turbinar a faixa Cult Séries com mais títulos clássicos foi reflexo de uma pesquisa junto ao público. "Com a entrada desses clássicos na faixa, a audiência dobrou. Conseguimos uma média de 2 pontos no horário que são exibidos", comenta Baccei. Além de atingir telespectadores mais velhos, com idade a partir dos 25 anos, esses antigos seriados têm sido acompanhados também por um público mais jovem, na faixa dos 12 aos 20 anos, afirma Baccei.No canal Multishow, também pago, além da estréia de Agente 86, outra atração do baú é o enlatado americano As Supergatas, que vai ao ar toda segunda, às 21h45, com horários alternativos durante a semana. Sucesso dos anos 80 e exibido no Brasil pela Globo, fala sobre amizade, relacionamento e sexo após os 60 anos, por meio do cotidiano de quatro senhoras, algumas delas mais descoladas, outras mais caretas. A série Alf, O Eteimoso foi resgatado pelo SBT este mês e será reprisado de segunda a sexta, às 12h45, e sábado, às 12h30. Já os fãs de Os Três Patetas, outro campeão de reprises, conferem as trapalhadas de Moe, Larry e Curly na Band, de segunda a sexta, às 13 horas. Os clássicos Viagem ao Fundo do Mar e Terra de Gigantes são exibidos aos sábados, a partir do meio-dia, no canal Fox, dentro da faixa Fox Classic.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.