Seriado 'Força-Tarefa' terá mais ação na 2ª temporada

O cerco fechou para o tenente Wilson, personagem de Murilo Benício no seriado "Força-Tarefa". Na segunda temporada da trama policial, que estreia hoje na Globo após o "Casseta & Planeta", Wilson recebe mais cenas de ação e uma notícia que pode mudar seu destino na corregedoria da polícia: no primeiro dos dez episódios, a namorada, Jaqueline (Fabíula Nascimento), revela que está grávida e corre risco de vida.

AE, Agência Estado

06 de abril de 2010 | 09h04

Quem acompanhou a temporada anterior, conheceu um tenente politicamente correto e que pouquíssimas vezes abriu mão do trabalho para estar com a enfermeira Jaqueline. Dessa vez, será diferente. A namorada o manda escolher entre a família e as investigações. Segundo o ator Murilo Benício, Wilson tem medo de ficar vulnerável e de "mostrar ter um ponto fraco".

Paralelamente ao conflito familiar, Wilson estará mais ativo na corregedoria. Antes, a equipe do tenente ficava concentrada numa sala de reuniões. Agora, o grupo segue para externas. Segundo o autor do seriado, Marçal Aquino, a produção ganhou mais ação e cinco minutos a mais no ar. No total, agora, são 45 minutos.

O ator Jackson Antunes vai aparecer no seriado como o vilão Lourenço. "Força-Tarefa" contará ainda com outras participações, como a da atriz Suzana Pires, que interpreta a Sheyla, mulher do cantor Silas (Jorge Lucas), a partir do oitavo episódio. De resto, o elenco traz Hermila Guedes (Selma), Juliano Cazarré (Irineu) e Rodrigo Eisenfeld (Jorge).

"Continuamos trabalhando com muita gente nova. Isso abre possibilidades para os atores", diz o diretor José Alvarenga. Para treinar recém-chegados e veteranos, entre eles o ator Milton Gonçalves, intérprete do coronel Caetano, o diretor Alvarenga mantém no set de gravação dois ex-profissionais da polícia. Um deles, do Batalhão de Operações Especiais do Rio, o famoso Bope. Em cena, eles ensinam como manusear uma arma e se comportar em sequências de ação. As informações são do Jornal da Tarde.

Mais conteúdo sobre:
televisãoGloboForça-Tarefa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.