Sem feiosa, Record estica novela

Sinal de que a reta final se aproxima na saga de Betty, a Feia, a transformação de Bela (Gisele Itiê) na versão nacional do folhetim, na Record, vai render pelo menos um mês a mais do que o previsto. Anunciada em sua estreia (em agosto) como uma novela de 200 capítulos, Bela, a Feia, vai ganhar uma boa esticada na emissora. A trama, que quase teve seu final abreviado nos tempos de audiência em baixa (5 pontos de média), agora deve passar a casa dos 24o capítulos no ar, podendo ser esticada até o fim de maio. O motivo: a audiência em alta desde que a protagonista deixou de ser uma feiosa. Na semana passada, Bela chegou a média de 18 pontos de ibope na Grande São Paulo.

Keila Jimenez, O Estado de S.Paulo

13 de abril de 2010 | 00h00

Aposta. Uma das caras novas de Passione, próxima trama das 9 da Globo, é Miguel Roncato. No folhetim de Silvio de Abreu, o jovem ator gaúcho será Alfredo, personagem que carrega a culpa pela morte da mãe por complicações no parto.

10 pontos de ibope registrou a estreia de "Legendários", no sábado, na Record

"Gente querendo arrecadar dinheiro pra BBB??? Para!! 219 mortes no Rio! Astrid Fontenelle no Twitter, detonando campanha na web para ajudar BBBs

Gosto à parte, o que foi o quadro do Legendários, da Record, dando dicas para qualquer um roubar uma loja de departamento, driblando os dispositivos de segurança?

Com a estreia várias vezes adiada, Ribeirão do Tempo deve entrar no ar na Record ainda em maio. A novela já tem 25 capítulos escritos e quase dez gravados. A data contraria a vontade de uma corrente na emissora, que defende que a estreia fique para depois da Copa.

Vic Muniz e Hans Donner estão cuidando da abertura de Passione, próxima trama das 9 da Globo.

Ainda em Passione, a trama deve ter muitas gravações em etapas reais da Stock Car, por conta do personagem de Marcello Antony, que vive um piloto na novela. Pilotos reais da modalidade já gravaram cenas da trama. Na etapa de São Paulo, no final de março, a Globo até construiu uma réplica de um box para Antony gravar.

Já na pista, quem corre no lugar do galã é o dublê Carlos Alves, que finge largar na pole position e corre por algumas voltas com os competidores reais da categoria.

Segue a passos curtos a escalação do elenco de A Cura, minissérie de João Emanuel Carneiro, que estreia no segundo semestre na Globo. Nem Selton Mello - cotado para ser o curandeiro protagonista da história - nem seu par, Andréia Horta (de Alice, da Fox), fecharam contrato com a emissora.

Nem sinal de Taís Araújo, a Helena da vez, no material promocional de Viver a Vida no stand da Globo na MipTV, feira de audiovisual que acontece em Cannes. Quem aparece em destaque no folhetim, que integra o pacote de novelas da rede oferecido ao mercado internacional, é Alinne Moraes, com a personagem cadeirante Luciana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.