Seleção da Semana

AMOR?

, O Estado de S.Paulo

10 Abril 2011 | 00h00

Direção: João Jardim.

Elenco: Julia Lemmertz, Ângelo Antônio.

Estreia prevista para sexta-feira

ESTRANHO E VIOLENTO AMOR

Como o próprio diretor diz, Amor? é uma mistura poética de documentário com ficção. Controverso, provoca reações das mais variadas no público, mas nunca o deixa indiferente. Prova disso é a reação provocada no 43º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, em novembro de 2010, quando levou o prêmio do Júri Popular.

Já críticos e profissionais de cinema se dividiram entre as opiniões sobre o formato escolhido pelo diretor João Jardim para contar histórias de amor em que a violência, seja qual a forma for, acaba se tornando protagonista. É do formato que nasce a mistura de documentário e ficção e, claro, a poesia. Em vez de filmar os reais personagens, como em um documentário clássico, Jardim optou por filmar atores interpretando depoimentos de pessoas reais. E mais, decidiu entremear estes depoimentos com cenas poéticas de um banho, um mergulho no mar... Imagens que dão o tempo exato da poesia do cotidiano.

Poesia que pode ser tanto construída quanto destruída pelo amor. Ou pelas formas doentias que o amor pode adquirir. E é neste jogo entre o belo e o monstruoso das relações amorosas pautadas pela violência que reside a força de Amor? Vale ressaltar que, contrariando os que taxaram o filme de uma "cópia bem feita de coisas que Eduardo Coutinho já fez" (como Jogo de Cena), Jardim optou pelos atores por uma questão pragmática. "São relatos muito sinceros de pessoas que viveram situações que de ciúmes, culpa, paixão e poder. Pensei em mostrar os verdadeiros personagens, mas, além da privacidade, havia a privacidade do parceiro de quem falavam", conta o diretor que, para os papeis convidou Lilia Cabral, Eduardo Moskovis, Ângelo Antônio e Julia Lemmertz, entre outros, "Poderíamos ou não expor as pessoas à esta situação? Por isso, é impossível de classificar este filme." Mais impossível ainda é ficar indiferente. / FLAVIA GUERRA

PINA BAUSCH

Quando: Quinta, sáb., 2ª (18) e 3ª (19), 21 h; dom., 18 h. Onde: Teatro Alfa. R. Bento Branco de Andrade Filho, 722, 5693-4000. Quanto: R$ 60/R$ 200.

CARTÃO-POSTAL

A abertura da Temporada de Dança do Teatro Alfa será na próxima quinta com a apresentação da aclamada companhia Pina Bausch Tanztheater Wuppertal. Em um cenário decorado com flores e uma cauda de baleia, os 17 bailarinos apresentam a coreografia inédita aqui no Brasil Ten Chi (Céu e Terra), que conta com músicas de diversos compositores, como Norah Jones e Gustavo Santaolalla, e ainda textos de Bertolt Brecht e José Saramago. No elenco tem ainda a brasileira Regina Advento. / ELIANA SILVA DE SOUZA

TEMPORADA DE PROJETOS 2011

Quando: De 11/4 a 21/6, 3ª a 6ª, 11h30/19 h; sáb., dom., 12h30/17h30. Onde: Paço das Artes. Av. da Universidade, 1, 3814-4832. Quanto: Grátis.

ARTISTAS ESCOLHIDOS

A Temporada de Projetos do Paço começa amanhã com mostras de Lucas Arruda, Mariana Galender, Mariana Serri (foto), Mariana Tassinari, Marina Camargo e Romy Pocztaruk, Elisa de Magalhães e da curadora Daniela Mattos. / CAMILA MOLINA

VIAGENS DE RONALDO FRAGA

Onde: Pavilhão das Culturas Brasileiras. Rua Pedro Álvares Cabral, s/nº, V. Mariana, 5083- 0199. 9h/19h (fecha 2ª). Grátis. Quando: Até 26/6.

PELO VELHO CHICO

O Velho Chico é amigo de infância de Ronaldo Fraga, que já viajou mais de 20 vezes pela região cortada pelo rio. Em 2009, o estilista mineiro criou uma coleção inspirada no Rio São Francisco. Agora, a paixão e coleção se tornaram uma mostra e traz, em dez ambientes, objetos e até vestidos que emitem música de Maria Bethânia e declamam poemas de Drummond, além de espaços interativos. / FLAVIA GUERRA

NATALIE COLE

Quando: Sexta, dia 15/4, às 22 h. Onde: Via Funchal. Rua Funchal, 65 São Paulo, tel. 3044-2707. Quanto: R$ 170 a R$ 400.

DINASTIA COLE

Filha de Nat King Cole, um dos mais brilhantes cantores e instrumentistas da história, Natalie deve trazer ao Via Funchal o repertório do famoso disco Unforgettable, assim como canções mais distantes do jazz. / ROBERTO NASCIMENTO

O ARMÁRIO MÁGICO

Quando: De 16/4 a 22/5 (sáb. e dom., às 16 h).

Onde: Teatro Cacilda Becker. Rua Tito, 295,

Lapa, telefone 3864-4513. Quanto: R$ 10.

RELAÇÕES DELICADAS

Habituada a tratar de temas delicados para os jovens, a Cia. O Grito volta com O Armário Mágico, em que uma menina recuperando-se de leucemia (Léia Rapozo) conhece um menino que sofre com a solidão (Alessandro Hernandez). / UBIRATAN BRASIL

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.