Secretaria aprova verba para o Teatro Oficina

Em audiência realizada anteontem na Secretaria de Educação do Estado de São Paulo (Seesp), o presidente do Conselho Estadual de Educação, Pedro Salomão José Kassab, colocou em discussão projeto que oferece apoio financeiro ao Teatro Oficina, dirigido por José Celso Martinez Corrêa. Após breve discussão, o plano, que destina recursos do orçamento da pasta da educação à companhia (por compreender o caráter de arte-educação do grupo que apresenta atualmente Os Sertões, de Euclides da Cunha), foi em seguida encaminhado ao governador do Estado, Cláudio Lembo.Resta agora saber se vão conseguir receber o valor ainda este ano e se este é de R$ 580 mil, conforme prometido pelo Estado em setembro. "Precisamos receber este dinheiro até, no máximo, dia 21, para poder ainda quitar nossas dívidas e pagar os quase cem integrantes do Oficina", disse Zé Celso.De acordo com a Assessoria de Imprensa da Seesp, o prazo máximo de liberação da verba neste caso é de uma semana a dez dias. "Assim que o Palácio dos Bandeirantes nos remeter tal projeto novamente, a área financeira vai determinar o valor e repassar aos favorecidos", explicou Carlos Maganini, coordenador da Assessoria. Segundo ele, o projeto não possui a rubrica com o valor do apoio e somente o setor financeiro poderá determiná-lo.

Agencia Estado,

15 de dezembro de 2006 | 14h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.