AP
AP

Sean Penn desiste do divórcio pela segunda vez

Após declarar que iria se separar de atriz Robin Wright, ator revoga pedido; 'Foi um erro arrogante', diz

Reuters

22 de maio de 2009 | 18h35

O ator premiado com o Oscar Sean Penn desistiu pela segunda vez de divorciar-se de Robin Wright Penn, semanas depois de pedir a separação legal. Depois de declarar que ele e sua mulher, casados há 13 anos, iriam separar-se em função de diferenças irreconciliáveis, Penn revogou um pedido de divórcio registrado num tribunal do condado de Marin, informou o New York Daily News, citando registros do tribunal.

"Foi um erro arrogante", disse Penn ao jornal. Não é a primeira vez que Penn, de 48 anos, e Wright Penn, de 43, chegam à beira do divórcio. O casal deu entrada nos procedimentos de divórcio em dezembro de 2007, mas voltou a ficar junto alguns meses mais tarde e arquivou o processo. Eles têm dois filhos, de 18 e 15 anos.

Penn recebeu em fevereiro seu segundo Oscar de melhor ator, pelo papel do ativista gay Harvey Milk em Milk - A Voz da Igualdade, de Gus Van Sant. Robin Wright Penn, que atuou no drama romântico Uma Carta de Amor, de 1999, encontra-se na França no momento, onde faz parte do júri do Festival de Cinema de Cannes. Uma representante da atriz não quis dar declarações.

Tudo o que sabemos sobre:
Sean Penn

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.