Danny Moloshok/Reuters - Arquivo
Danny Moloshok/Reuters - Arquivo

Schwarzenegger admite que teve filho fora do casamento

Maria Shriver quis se separar depois que soube da paternidade do ex-governador da Califórnia

EFE

17 de maio de 2011 | 15h07

O ex-governador da Califórnia Arnold Schwarzenegger, que recentemente anunciou seu divórcio de Maria Shriver, admitiu que teve um filho fora do casamento com uma mulher que trabalhou por 20 anos em sua casa, informou nesta terça-feira o jornal The Los Angeles Times.

O veículo revelou que Shriver quis se separar depois que soube do filho que o marido teve fora do casamento. A mãe da criança deixou o trabalho em janeiro passado.

"Este é um momento doloroso. Como mãe, minha preocupação é com nossos filhos. Peço compaixão, respeito e privacidade, já que meus filhos e eu estamos tentando reconstruir nossas vidas e fechar as feridas", disse Shriver nesta terça-feira através de comunicado.

O próprio Schwarzenegger admitiu, através de uma declaração escrita, que contou à sua mulher sobre o filho depois que deixou o governo da Califórnia em janeiro.

"Entendo e mereço os sentimentos de raiva e decepção entre meus amigos e minha família", declarou o ex-governador em comunicado, no qual disse que "não há desculpas" pelo que ele fez.

"Já pedi o perdão de Maria (Shriver), dos meus filhos e da minha família", acrescentou.

Para proteger a intimidade da ex-empregada, não será divulgado seu nome nem o de seu filho.

O jornal informou que, em entrevista realizada antes de Schwarzenegger revelar a relação, ela afirmou que tinha deixado seu emprego voluntariamente.

Segundo o The Los Angeles Times, Schwarzenegger sustenta a criança desde seu nascimento.

Shriver, de 55 anos, saiu da casa do casal em Brentwood meses atrás, mas apenas na semana passada eles anunciaram a separação após 25 anos de casamento.

Segundo o porta-voz de Shriver, ela preferiu não comentar o assunto.

Quando anunciaram a separação, Schwarzenegger, de 63 anos, sugeriu que seria algo temporário.

"Nós nos amamos muito", disse o ex-governador na semana passada, que acrescentou que os dois tinham muita sorte por serem pais de "quatro filhos extraordinários".

Na ocasião, a imprensa revelou que alguns amigos de Shriver deram uma versão "menos otimista" da situação e ressaltaram que ela foi infeliz durante anos, mas preferiu não tomar nenhuma decisão definitiva até Schwarzenegger completar seu mandato.

Desde que terminou sua gestão como governador, Schwarzenegger mantém uma vida pública muito ativa: reuniu-se com personalidades de todo o mundo e assistiu a uma reunião na Casa Branca sobre imigração.

Além disso, retomou sua carreira de ator.

Tudo o que sabemos sobre:
Arnold Schwarzenegger

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.