SBT prepara versão do holandês "Big Brother"

Enquanto os concorrentes quebram a cabeça e se atropelam tentando levantar o Ibope, o ex-camelô Silvio Santos continua firme e forte trabalhando com a grande massa. Criador do Baú da Felicidade e de vários programas que distribuíam prêmios aos vencedores, Senor Abravanel prepara-se agora para mais uma investida, desta vez pegando carona no sucesso do gênero "reality show", lançado aqui no Brasil pela Rede Globo com o programa No Limite.Para tanto, o SBT já acertou todos os detalhes de co-produção de Big Brothers, programa holandês que retrata a vida real de dez pessoas dentro de uma casa, sendo que as cenas são transmitidas sem adaptações ou qualquer tipo de gincana, competição ou premiação dentro do programa. Recentemente, José Roberto Maluf, vice-presidente do SBT, e Alfonso Aurin, superintendente de engenharia da emissora, estiveram na sede da empresa Endemol, em Hilversun, na Holanda, onde assinaram o contrato com o executivo John Demol para a co-produção do Big Brother. Dois diretores da Endemol também já estiveram no Brasil para acertar os últimos detalhes no novo projeto do SBT. Na Holanda, o projeto reuniu cinco homens e cinco mulheres dentro de uma casa durante três meses. O programa também fez muito sucesso no canal americano CBS e em toda a Europa. Apesar da oscilação da audiência, a atração chegou a bater recordes de público nos Estados Unidos, ganhando do forte concorrente Who Wants To Be a Millionaire?, que por sua vez serviu de "inspiração" para Silvio Santos criar o Show do Milhão.O SBT não revelou o valor da negociação, mas dá para imaginar o montante que Silvio Santos desembolsou, baseando-se na quantia que a CBS pagou: 20 milhões de dólares aos produtores holandeses.Por enquanto, só está definido que o local de gravação será em São Paulo, mas ainda não se confirmou se haverá a construção de um local apropriado num terreno comprado por Silvio ao lado dos estúdios da emissora (no Complexo Anhangüera), ou se será escolhida uma determinada região da cidade. A data de estréia e o nome do apresentador também não foram definidos, porém comenta-se pelos corredores da emissora que o reality show entra no ar logo no início de 2001, e que Celso Portiolli é um forte candidato ao cargo semelhante desempenhado por Zeca Camargo em No Limite.

Agencia Estado,

24 de setembro de 2000 | 16h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.