Santos inicia restauração do Teatro Guarany

Os trabalhos de recuperação do histórico Teatro Guarany, tombado pelo Condephat desde 1981, quando o imóvel sofreu um incêndio que destruiu toda sua parte interna, começaram finalmente hoje. O prefeito de Santos, Beto Mansur disse que a primeira medida foi envelopar oprédio para garantir a estrutura". "Agora, vou buscar recursos junto aos governos federal, estadual e à iniciativa privada para iniciar as obras de restauro", garantiu Mansur.O primeiro passo no processo de recuperação foi compra do imóvel pela prefeitura por R$ 265 mil. Situado à Praça Rui Barbosa, no Centro da cidade, o teatro contribuirá para ampliar o movimento cutural daquela região, que já conta com a Casa de Câmara e Cadeia, onde funcionam oficinas de arte e a própria praça, já recuperada, seguindoos moldes do fim do século XIX.Fundado em 7 de dezembro de 1882, o Teatro Guarany, além de espetáculos, também foi palco de acirradas discussões promovidas pelos abolicionistas que pretendiam colocar um ponto final na escravatura. Com o passar dos anos, transformou-se em cinema, até que pegou fogo. O imóvel, de propriedade daSanta Casa, foi adquirido em 1994 pelo chinês Ng Laneg Fai, que este ano vendeu o patrimônio para a prefeitura.?Trabalhamos incessantemente para trazer ao município o Teatro Guarany, e agora precisamos de recursos para deixá-lo comas características originais?, disse o prefeito. Para o restauro serão necessários R$ 4 milhões. A idéia da Prefeitura, após o processo de limpeza da área interna do teatro, é discutir com a comunidade já a partir dapróxima semana sobre a utilização que se pretende dar ao imóvel: casa de espetáculos; sede para a Orquestra SinfônicaMunicipal, ou escola de artes cênicas. E se depender do secretário de cultura, Carlos Pinto, o Guaranyserá transformado numa escola de teatro, podendo ser usado também para a promoção de espetáculos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.