Sai seleção para o Prêmio Shell

O júri do Prêmio Shell de Teatro anunciou a segunda seleção para a próxima edição do prêmio, relativa ao segundo semestre de 2001. Esta seleção contempla espetáculos que estrearam em São Paulo entre 1.º de junho e 31 de dezembro de 2001. As categorias que concorrem ao prêmio são autor, diretor, ator, atriz, cenografia, música, iluminação, figurino e categoria especial. Na categoria especial concorrem todos os profissionais não relacionados nas demais categorias, tais como tradutor, cenotécnico e produtor.O prêmio tem duas indicações de espetáculo por ano, uma a cada semestre. A seleção de ontem é a segunda parte do processo que vai premiar os melhores espetáculos e profissionais de teatro de Rio de Janeiro e São Paulo, separadamente, entre dezembro de 2000 e dezembro de 2001. O valor do prêmio é de R$8 mil. A entrega do próximo Prêmio Shell de Teatro será em março deste ano, nas duas cidades. O prêmio especial para contribuições ao teatro, nesta edição, em São Paulo, vai para o movimento Arte Contra a Barbárie. Confira os indicados: Autor: Marta Góes, por Um Porto para Elizabeth BishopAlcides Nogueira por Pólvora e Poesia Direção: Márcio Aurélio por Pólvora e PoesiaEduardo Tolentino por Major Bárbara Ator: Brian Penido por Major BárbaraLeopoldo Pacheco por Pólvora e Poesia Atriz: Cleide Queiróz por Gota D´Agua Ana Lúcia Torre por Rose Rose Cenário: Márcio Medina por Um Trem Chamado DesejoDaniela Thomas e André Cortez por Nostalgia Figurino: Gabriel Vilela e Leopoldo Pacheco por Gota D´AguaReinaldo Lourenço por Antiga Iluminação: Wagner Freire por O Evangelho Segundo Jesus Cristo Rodolfo Garcia Vasquez por Sapho de Lesbos Música: Tim Rescala por Um Trem Chamado Desejo Babaya, Ernani Maletta e Fernando Muzzi por Gota D´Agua Categoria Especial: Ágora, pelo projeto Ágora DramaturgiaQuartim Moraes, pelo projeto editorial de Teatro da Editora Senac Homenagem: Movimento "Arte Contra a Barbárie"

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.