Sai livro sobre a arte plumária brasileira

O livro A Plumária Indígena Brasileira, em edição bilíngüe, português-inglês, de Sonia Ferraro Dorta e Marília Xavier Cury, será lançado nesta quinta-feira, às 18h, pela Edusp, em parceria com a Imprensa Oficial do Estado e o Museu de Arqueologia e Etnologia da USP.Com 467 páginas, o livro registra a arte plumária produzida pelas 45 principais grupos étnicos do Brasil, entre eles o kaiapó, o bororo, o karajá, o kaxinawa e o urubu-kaapor. As peças retratadas no livro são da coleção do coronel Joaquim Sertório, da segunda metade do século passado e do acervo do professor Plínio Ayrosa, titular da cadeira de Etnografia do Brasil e Língüa Tupi-Guarani, da USP, cujas primeiras peças teve remontam a 1930. A atual coleção do Museu tambëm como ponto de partidaformou-se também a partir de diferentes formas de aquisição (doações, compras, permutas institucionais, expedições etnográficas) e de coleta e refletem mais de um século de colecionamento, perfazendo um total de 20 mil peças.O livro faz parte da Coleção Uspiana, de 12 títulos, que vem marcando a presença editorial da Universidade de São Paulo e Imprensa Oficial nas comemorações dos 500 anos do descobrimento do Brasil e pode ser adquirido na Livraria Virtual da Imprensa Oficial (www.imprensaoficial.com.br) ou pelo telefone 0800.123401.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.