Sai lista de indicados ao Prêmio Jabuti

A Câmara Brasileira do Livrodivulgou hoje os nomes dos autores que concorrerão à 44.ª ediçãodo Prêmio Jabuti de Literatura. Segundo o coordenador do prêmio,José Luiz Goldfarb, este foi o ano que teve o maior número deinscritos na história da distinção: foram 1.787, de 179 editoras. Veja a relação completa dos concorrentes. Criticado em premiações recentes, que distinguiram obrasconsideradas irrelevantes, o Prêmio Jabuti ganhou até umaparódia paulistana, o Prêmio Jaburu, organizado pelo escritorRonaldo Bressane. Os organizadores também anunciaram a vinda dediversos convidados internacionais, como o francês JeanBraudrillard, o paquistanês Tarik Ali, a chinesa Wei Hui e oitaliano Andrea de Carlo. A principal categoria, de romance, será disputada esteano entre os autores Dionisio Jacob, por A Utopia Burocráticade Máximo Modesto (Companhia das Letras); Luís Giffoni, porAdágio para o Silêncio (Pulsar); Rubens Figueiredo, porBarco a Seco (Companhia das Letras); Luiz Ruffatto, doJornal da Tarde, por Eles Eram muitos Cavalos(Boitempo); José Castello, por Fantasma (Record); AntônioAraújo, por Frutos Amargos da Terra (Armazém de Idéias);Teixeira Coelho, por Niemeyer - Um Romance (Iluminuras);García-Roza, por Uma Janela em Copacabana (Cia. das Letras);e Renato Modernell, por Viagem ao Pavio da Vela (Record). Em contos e crônicas, concorrem Milton Coutinho (AsHoras Velozes, Sete Letras), Zélia Gattai (Códigos deFamília, Record), Marçal Aquino (Faroestes, Ciência doAcidente), Marilene Felinto (Jornalisticamente Incorreto,Record), Sérgio Augusto (Lado B, Record), Fernando Sabino(Livro Aberto, Record), Valêncio Xavier (Minha MãeMorrendo e o Menino Mentindo, Companhia das Letras), MarinaColasanti (Penélope Manda Lembranças, Ática), Rubem Fonseca(Secreções, Excreções e Desatinos, Companhia das Letras) eMárcio Moreira Alves (Brava Gente Brasileira, NovaFronteira). A categoria reportagem e biografia confronta osjornalistas Luiz Maklouf Carvalho (já ganhador de dois prêmios),Paulo Markun e Duda Hamilton, Alberto Dines, Florestan FernandesJr. e Nelma Salomão com a neta de Dorival Caymmi, Stella (pelabiografia do avô), além de José Carlos Teixeira Gomes, LuizEduardo Soares, Adriana Florence, Gyorgy Miklós Bohm e CláudioBojunga. Causa estranheza a indicação, nessa última categoria, dacompilação Armazém Literário, reunião de textos do antigoCorreio Braziliense, do pioneiro da imprensa, Hipólito José daCosta. Além de ser reedição, trata-se de documento histórico,distoante da produção apresentada. Outro caso estranho é o dolivro de Teixeira Coelho, Niemeyer - Um Romance, queconcorre na categoria romance pela editora Iluminuras. Trata-setambém de reedição: o livro já fora lançado anteriormente pelaGeração Editorial. O campeão de indicações parece ser Raul Loureiro,indicado quatro vezes na categoria capa e uma vez na categoriaprodução editorial. A cerimônia de entrega do Prêmio Jabuti serárealizada durante a 17.ª Bienal do Livro de São Paulo, que serárealizada de 25 de abril a 5 de maio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.