Sai de cena o ator do seriado "ER" Noah Wyle

O ator americano Noah Wyle vai sair da série televisiva ER, em que interpretou durante 11 temporadas o doutor John Carter. Wyle, de 33 anos, único que restava do elenco original da série, quer dedicar mais tempo ao seu filho, Owen. A NBC pretende seguir com ER, a série que acompanha a rotina de uma sala de emergência de um hospital, até 2008. Wyle, que sairá da série sob o pretexto de trabalhar para a ONG Médicos Sem Fronteiras, deve participar de um episódio de cada uma das próximas temporadas. No episódio que será exibido em 12 de maio nos Estados Unidos, Carter vai reencontrar a namorada Kem (Thandie Newton), que desenvolve trabalhos voluntários na África, para onde irá com ela para trabalhar na ONG internacional. Carter vai deixar Chicago no último episódio desta temporada, que será exibido em 19 de maio nos Estados Unidos.Em 2004, Wyle disse que pretendia deixar a série quando seu contrato terminasse nesta temporada. "Eu tenho muitas coisas acontecendo em minha vida agora", disse Wyle ao programa E! News Live em setembro. "Eu tenho um filho, família e amigos". Quando a série estreou em setembro de 1994, Wyle interpretava o jovem residente num elenco formado por Anthony Edwards, George Clooney, Eriq La Salle, Julianna Margulies e Sherry Stringfield. Com a saída deles, Wyle tornou-se a estrela do programa. Sherry voltou a seu papel como a médica Susan Lewis em 2001, depois de um intervalo de cinco anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.