Sai a programação oficial da Copa da Cultura 2006

A Copa da Cultura 2006, que serárealizada durante a Copa do Mundo pelo Ministério da Cultura comoutros parceiros, já conta com uma programação oficial. Adivulgação dela foi feita hoje, durante solenidade realizada noMuseu Brasileiro da Escultura Marilisa Rathsam (MuBE), quecontou com a presença do ministro da Cultura, Gilberto Gil, e dosecretário de Políticas Culturais do MinC, Sérgio Sá Leitão,além do diretor-geral do Goethe Institut de São Paulo, WolfgangBader, e do ministro de Esporte, Orlando Silva, e diretor-geraldo Sesc, Danilo Miranda, da própria Marilisa, presidente domuseu, todos parceiros no projeto. A ampla programação, que envolverá as áreas da música,cinema, teatro, dança, literatura e artes plásticas, será frutode um intercâmbio cultural entre Brasil e Alemanha que seperpetuará até 2007. No Brasil, a lista de atividadesresultantes desse intercâmbio será maior do que na Alemanha,ressalta Sérgio Sá Leitão, coordenador do do programa no MinC.Para ele, isso vem de encontro com um dos objetivos do projeto."Além de divulgação, um dos focos é a exportação da culturabrasileira e o que isso vai gerar em recursos, divisas eempregos no Brasil." Segundo ainda o secretário, a Copa da Cultura naAlemanha dá continuidade a uma primeira experiência bem-sucedidado Brasil na França, "com resultados excelentes". "Com estetrabalho, a estimativa de total de recursos investidos por partedo Brasil e da Alemanha, durante 2006 e 2007, seja de R$ 30milhões." Esse valor inclui recursos públicos e privadosprovenientes, meio a meio, dos dois países. Só do MinC, deacordo com Sá, serão investidos R$ 11,5 milhões. Um dos centros principais da Copa da Cultura na Alemanhaserá a Embaixada do Brasil em Berlim, onde as atividadesespeciais se estenderão até dezembro. A programação, gratuita,inclui cinco mostras individuais, com trabalhos de Afonso Tostes Franklin Cassaro, José Rufino, Cristina Canale e Carlos Vergara Será organizada a Semana Nelson Rodrigues, no Teatro Volksbühnee na Embaixada, com direito a exibição de filmes, leiturasdramáticas e palestras. Estão programados 11 concertos até o fim do ano, além deleituras dramáticas, sessões de cinema e encontros literários. Oprograma terá outro endereço principal: a Casa das Culturas doMundo, em Berlim, que abre seus portas especialmente para acultura brasileira no dia 25 de maio, quando Gil se apresentaráno local. Na Casa, as expressões genuinamente brasileirasestarão em cartaz até 9 de julho, data do fim da Copa do Mundo. O local abrigará dez shows duplos, de nomes como ChicoBuarque e Nação Zumbi, além da mostra Intervenções, uma série dedebates, 11 espetáculos de dança e performance que integram aprogramação do In Transit, e a exibição de exemplares darecente safra de filmes nacionais, como Pelé Eterno e 2Filhos de Francisco. O Brasil estará presente também em eventos tradicionaisdo calendário alemão, entre eles, o Designmai, feirainternacional de design, na Feira Internacional de Literatura deBerlim, e o Popkomm, uma das maiores feiras da indústriafonográfica (da qual Brasil será país-tema). Dentro desseintercâmbio, a Alemanha contribui com programação especial aquino Brasil, quase toda ela realizada no Rio e em São Paulo, masque também serão levadas para outros Estados. Essa programaçãopegou carona no temática do futebol e foi dividida em quatrotópicos: Jogo Amistoso, que traz projetos com parceria entreartistas e técnicos brasileiros e alemães; Arte & Futebol, comprojetos que exploram a ligação entre arte e futebol; AtacanteBrecht, com atividades relacionadas ao ano do dramaturgo Brecht;e Gols na Rede. "O grande trunfo para essa parceria é juntar o jeitinhoalemão com a disciplina brasileira", brincou Wolfgang Bader. Gil que se pronunciou por último e falou pouco, concordou com ogracejo do parceiro alemão. "Temos o lado da disciplina também,o Parreira sabe bem disso", disse. "É uma alegria ver aresponsabilidade da política pública se concretizando." Gilrecebeu homenagem de um grupo de crianças, cantarolou Balé deBerlim, que compôs para a Copa, e lamentou que Rita Lee nãotenha aceitado voltar aos vocais dos Mutantes para participar doevento Tropicália - A Revolution in Brazilian Culture, emLondres. Uma outra novidade sobre a Copa da Cultura deverá seranunciada no início de maio.As datas dos eventos da Copa da CulturaCasa das Culturas do Mundo - De 25de maio a 9 de julho. Shows de Chico Buarque e Elza Soares,Nação Zumbi, Naná Vasconcelos, Uakti e DJ Dolores na Casa dasCulturas do Mundo - Feira Internacional de Design Designmai- De 18 a 21/5, MostraBrasil Design: Convivência de Extremos- Hebbel-Theater Am Ufer - Hau - De 30/5 a 7/6. Nove peças serãoapresentadas ao público alemão, dentre elas Ensaio Hamlet,Agreste e O Assalto, com o Teatro Oficina, no festival deteatro Brasil em Cena. - Teatro Volksbühne e Na Embaixada em Berlim - Durante o anotodo, haverá mostras individuais de Afonso Tostes, FranklinCassaro, José Rufino, Cristina Canale e Carlos Vergara; exibiçãode filmes, leituras dramáticas e palestras marcarão a SemanaNelson Rodrigues. - Museu Haus Der Kunst, Em Munique - No dia 17 de junho, showscom Nação Zumbi, Antonio Nóbrega, DJ Dolores, Spock FrevoOrquestra e Maracatu Porto Rico. No dia 18, Maracatu Porto Ricoe Spock Frevo Orquestra se apresentam nas ruas de Munique. - Feira Popkomm - Entre 20 e 22 de setembro, em Berlim, o Brasilserá país-tema, com 17 shows de brasileiros.- Brasil Plural - Festival de documentários, curtas e longas, emoutubro a dezembro.

Agencia Estado,

17 de abril de 2006 | 17h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.