Divulgação
Divulgação

'Safo' traz história grega para metrópole paulistana atual

Solo é inspirado no poema 'Safo ou o Suicídio', da escritora francesa Marguerite Yourcenar

Beth Néspoli, de O Estado de S. Paulo,

17 de setembro de 2009 | 04h50

Muito antes do solo Safo, que estreia amanhã nos Satyros, o dramaturgo e fundador do grupo Ivam Cabral já havia se debruçado sobre a obra e a vida dessa poetiza nascida em 650 a.C. na ilha grega de Lesbos. Em parceria com Patrícia Aguille - atriz poderosa que depois faria todos os cinco espetáculos de Os Sertões no Teatro Oficina -, ele escreveu Sappho de Lesbos na década de 90. Era um espetáculo para 13 atrizes com coro e estrutura de tragédia grega.

 

Sappho fez temporada em Lisboa e na sede do grupo, na Praça Roosevelt, em São Paulo. Numa de suas idas a Curitiba - cidade onde o Satyros já manteve uma sede -, Ivam Cabral soube que uma atriz interpretava Safo numa montagem local e, curioso, foi ver. "Era outra Patricia, a Vilela, e gostei do trabalho." Recentemente, reencontrou a atriz que lhe pediu um texto sobre a poetiza. "De imediato recusei, achei excessivo voltar ao tema, mas lembrei do poema de Safo ou o Suicídio, publicado em seu livro Fogos. É uma atualização, ela faz da personagem uma trapezista."

 

Com essa inspiração, decidiu criar um novo texto, não totalmente realista, com um toque de fantástico, quase que na intersecção entre o anterior, de sua autoria, e o da escritora francesa. Assim, a Safo vivida por Patricia Vilela é a poetiza grega nascida em Lesbos, que viaja no tempo até a metrópole paulistana dos nossos dias. "Ela é bailarina, tem uma academia, como na Grécia tinha sua escola para preparar as moças para o casamento", diz Ivam. Ali, conhece a jovem Átis, por quem se apaixona. "É um solo sobre o amor." Há humor sobretudo nas citações a nomes, como da crítica de dança do Estado Helena Katz.

 

Safo. 45 min. 14 anos. Espaço dos Satyros 1 (70 lug.). Praça Roosevelt, 124, Centro, tel. 3255-0994. 5.ª, 21h30. R$ 30. Até 26/11

Tudo o que sabemos sobre:
'Safo'

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.