Russos ficam indignados com violência de mãe adotiva americana

O governo russo não está totalmente satisfeito com a pena de suspensão dada a uma mulher norte-americana que colocou molho picante na boca de seu filho adotivo de origem russa, disse uma autoridade do Kremlin nesta terça-feira.

REUTERS

30 de agosto de 2011 | 12h06

Jessica Beagley, uma mãe do Alasca, foi condenada na segunda-feira depois de ser vista em um programa de televisão castigando seu filho de sete anos, fazendo o menino engolir molho de pimenta e ficar debaixo do chuveiro gelado.

O caso gerou indignação na Rússia, onde existe uma preocupação crescente com notícias sobre o abuso de crianças adotadas do país.

Promotores municipais nos EUA abriram um processo contra Beagley depois que um vídeo caseiro de seus métodos disciplinares foram exibidos no programa de TV "Dr. Phil" no ano passado.

Beagley recebeu uma pena de suspensão de 180 dias na segunda-feira, depois de ser condenada por abuso infantil.

Um juiz do Alasca também colocou Beagley em liberdade condicional e ordenou que ela continuasse recebendo orientação psicológica.

"Não posso dizer que a decisão nos satisfaz completamente, mas precisamos aceitar o veredito", disse o funcionário oficial para direitos humanos do Kremlin, Pavel Astahkov, em comunicado divulgado por sua porta-voz.

Astahkov acrescentou: "A condenação de Beagley e a sentença aplicada, apesar de ser condicional, indica que o sistema judicial norte-americano está preparado para punir os pais que humilharam seus filhos, e que a sociedade norte-americana não fechará seus olhos para esses casos."

A adoção de dezenas de milhares de crianças russas por estrangeiros -- particularmente do antigo inimigo de Moscou na Guerra Fria, os EUA -- tem sido uma questão delicada desde que a queda da União Soviética em 1991 abriu a Rússia para o Ocidente.

Autoridades e a mídia russa deram atenção aos casos de suposto abuso infantil de origem russa nas mãos de pais norte-americanos, alguns dos quais resultaram em mortes.

Promotores dizem que Beagley simulou punições exageradas especificamente para conseguir um lugar no programa de Dr. Phil, que conta com participações ocasionais das "Mães Bravas" em segmentos chamados "Confissões da Mamãe".

(Reportagem de Denis Dyomkin)

Tudo o que sabemos sobre:
ODDRUSSIAMAEADOTIVA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.