Rosely Boschini é reeleita presidente da CBL

Atual presidente da Câmara Brasileira do Livro teve 77% dos votos e ficará no comando da entidade até 2011

Teresa Ribeiro, do estadao.com.br,

18 de fevereiro de 2009 | 19h42

Rosely Boschini vai cumprir um novo mandato na presidência da Câmara Brasileira do Livro (CBL), após ganhar as eleições realizadas nesta quarta-feira, 18, com 77% dos votos. A entidade responsável pela Bienal de São Paulo, entre outros eventos, voltará a ser comandada por Rosely até 2011. Ela assumiu o cargo em 2007, como a primeira mulher a comandar a Câmara.       Veja também: Acusações marcam eleição na CBL   O resultado da apuração indicou que a chapa de Rosely, "Trabalho & Seriedade", obteve 185 votos dos associados. Já a chapa da oposição "Mudança & Participação", comandada por Armando Antongini Filho, ficou com 52 votos. O total de associados votantes foi de 238, com apenas um voto nulo. As eleições ocorreram em São Paulo, no Rio e em Belo Horizonte. A Câmara tem 554 associados em todo o País, entre editores, livrarias, distribuidores e gráficos.   Paulista de Santos, Rosely Boschini é sócia-fundadora da Editora Gente, formada em arquitetura, com especialização em administração pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo, casada e mãe de três filhos.

Tudo o que sabemos sobre:
Rosely BoschinieleiçãoCBL

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.