Ronaldo Fraga explora o naïf na passarela

Foi um desfile fofo. Na primeira parte, um casting só de crianças mostrou o lado mais singelo do estilista mineiro. Ronaldo Fraga gosta de explorar o lado naïf da população humilde que é a verdadeira cara do Brasil. Seu verão tem cara de cidade de interior vestida para um domingo de festa. Os vestidinhos das meninas, cheios de babadinhos bordados e apliques são, como já dissemos fofo.Corte rápido para a segunda parte, quando moças e rapazes chegam com muito mais atitude, subvertendo um pouco o caráter ingênuo desse domingo de sol. Nesse momento, destaque para as sertanejas elegantes que vestem seda com estampas floridas. E o vestido cor de argila (a inspiração foram as cerâmicas do Vale do Jequinhonha), com apliques de flores, é uma tentação de consumo. Ronaldo aproveita o verão para trazer uma mulher com maior consciência do corpo. Seus vestidos largões e a proporção ingrata da temporada passada, deram um tempo. Mas alguns vestidinhos pareciam ingênuos demais e não valorizam mulher nenhuma. Haja atitude para sair com um modelito desses e não ficar com cara de ?boazinha?.

Agencia Estado,

30 de junho de 2003 | 21h42

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.