Ronaldo e Paulo Coelho vão participar de programa da ONU

'Campeões das Metas do Milênio' estarão em plano de ação global para reduzir males sociais até 2015

Ansa

01 de setembro de 2010 | 18h53

O jogador Ronaldo e o escritor Paulo Coelho foram escolhidos para integrar um grupo de 'Campeões das Metas do Milênio' das Nações Unidas, informou hoje a ONU em Nova York.

 

Os brasileiros se juntarão à apresentadora portuguesa Catarina Furtado, ao ator Antonio Banderas e à rainha Rania da Jordânia para "advogar o alcance das metas". Os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio são um plano de ação global para erradicar ou reduzir males sociais até 2015.

 

Os novos 'Campeões das Metas do Milênio' foram escolhidos dentre um grupo de embaixadores da boa vontade e mensageiros da paz da ONU.

 

Outros astros que participam da iniciativa são os jogadores africanos Didier Drogba e Emmanuel Adebayor, e o francês Zinedine Zidane.

 

Segundo informou a ONU, no próximo dia 22, uma reunião da organização vai reunir, em Nova York, chefes de Estado e de Governo e algumas celebridades para avaliar os progressos, e o que falta fazer nos próximos cinco anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.