Rio já tem fila para rever seus shows

Seis meses depois de tocar em São Paulo e Porto Alegre, Paul McCartney se apresenta amanhã e segunda-feira no Estádio Olímpico João Havelange (Engenhão), no Rio, fazendo uma longa retrospectiva de quase três horas de sua incomparável trajetória. O repertório tem cerca de 30 canções da carreira solo, de seus trabalhos com a banda Wings e o projeto eletrônico The Fireman, mas principalmente os clássicos dos Beatles. Com ligeiras mudanças no roteiro, ele colocou Hello, Goodbye na abertura dos shows que fez na semana passada no Peru e no Chile, cortando Venus and Mars e Magical Mystery Tour. A melosa balada My Love também foi limada. Entre os clássicos dos Beatles mantidos estão All My Loving, And I Love Her, Something, Let It Be e Yesterday. Desde quarta-feira, fãs vindos do Sul do País já acampavam em fila na entrada do estádio, à espera do show. A primeira vez que Paul tocou no Brasil foi no Rio no dia 21 de abril de 1990, no Estádio do Maracanã. Entrou para o Guiness, o livro dos recordes, por reunir o maior público pagante para um concerto de rock: 184 mil pessoas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.